Consultor Jurídico

Notícias

Você leu 1 de 5 notícias liberadas no mês.
Faça seu CADASTRO GRATUITO e tenha acesso ilimitado.

Liminar concedida

Justiça do Trabalho obriga bancos em Goiás a atender advogados

A greve dos bancários continua, mas, em Goiás, as agências dos bancos conveniados ou localizados em órgãos do Poder Judiciário deverão manter, pelo menos, 30% do quadro de trabalhadores para atender advogados e jurisdicionados. A decisão liminar foi concedida pelo juiz Luiz Eduardo Paraguassu, da 8ª Vara do Trabalho de Goiânia.

Em caso de descumprimento, foi estipulada multa diária de R$ 5 mil. A liminar atende a pedido da seccional goiana da Ordem dos Advogados do Brasil em ação civil pública. Segundo o magistrado, a greve dos bancários não pode interromper ou obstaculizar, indeterminadamente, o atendimento aos advogados e jurisdicionados.

O juiz reconheceu a gravidade da situação e citou o risco de violação a diversos dispositivos legais, entre eles o artigo 11 da Lei de Greve (7.783/1989), que prevê o funcionamento de serviços ou atividades essenciais e inadiáveis da comunidade durante a greve e a Orientação Jurisprudencial 38 da SDC, do TST, que trata da definição de greve abusiva. Com informações da Assessoria de Imprensa do TRT-18.

ACP 00011579-36.2016.5.18.0008

Revista Consultor Jurídico, 12 de setembro de 2016, 21h13

Comentários de leitores

3 comentários

Advogado

O IDEÓLOGO (Outros)

O que faz um Advogado?
O advogado é o profissional que defende os interesses de seus clientes com base nas leis vigentes no País. Ele pode representar tanto pessoas físicas como pessoas jurídicas (empresas, organizações).
O trabalho do advogado começa com uma conversa com seu cliente. O cliente irá expor sua situação, explicando porque está buscando ajuda de um advogado. Ele pode estar se sentindo prejudicado de alguma forma e deseja acusar alguém ou pode estar sendo intimado ou acusado de alguma infração e precisa compor sua defesa.
Após a visita de seu cliente, o advogado começará a tomar as atitudes cabíveis em cada caso.
O primeiro passo é identificar qual a área da advocacia em que o caso de seu cliente se encaixa. Em geral, os casos são divididos em sete diferentes áreas http://www.guiadacarreira.com.br/carreira/o-que-faz-um-advogado/

É um profissional que consegue obter privilégios em detrimento da sociedade.

Por força de lei federal somente fica preso em local especial.

A autarquia a qual pertence tem imunidade tributária.

Durante greve usufruiu de funcionamento de caixa especial em agências bancárias.

Na Câmara Municipal de São Paulo, em primeira votação, o advogado está desobrigado de participar do rodízio.

Excesso de privilégios ao advogado.

O próprio Guillaume-Chrétien de Lamoignon de Malesherbes, advogado francês que defendeu Luis XVI, não aceitaria as vantagens dos advogados brasileiros.

Os advogados são os assassinos da lei, segundo o Imperador Napoleão Bonaparte.

Já aqui...

Eduardo.Oliveira (Advogado Autônomo)

A OAB/SP sempre inerte.

Enfim

Carlos (Advogado Sócio de Escritório)

Enfim, alguém com bom senso...

Comentários encerrados em 20/09/2016.
A seção de comentários de cada texto é encerrada 7 dias após a data da sua publicação.