Consultor Jurídico

Colunas

Você leu 1 de 5 notícias liberadas no mês.
Faça seu CADASTRO GRATUITO e tenha acesso ilimitado.

Ranking de Notícias

Decisão que obriga advogado a devolver honorários de sucumbência foi destaque

Por 

Em acórdão publicado nesta semana, a 3ª Turma do Superior Tribunal de Justiça afirma que quem vence ações rescisórias pode apresentar novo processo para cobrar de volta os honorários de sucumbência pagos ao advogado da parte contrária. O colegiado determinou que os herdeiros de um advogado devolvam valores que ele recebeu da Petrobras quando representou uma empresa de transportes. Por maioria de votos, os ministros entenderam que a natureza alimentar não impede a devolução, pois a decisão transitada em julgado deixou de existir no mundo jurídico. Clique aqui para ler a decisão.

Troca surpresa
Fábio Medina Osório foi demitido da Advocacia-Geral da União nesta sexta-feira (9/9). Em seu lugar entrará a atual secretária de contencioso da AGU, Grace Maria Fernandes Mendonça — a primeira mulher da história a assumir o cargo máximo da instituição como titular. Servidora de carreira, ela era um nome forte desde que a demissão de Medina passou a se concretizar no Planalto, no fim do primeiro semestre deste ano. A saída do ministro é atribuída a uma briga com o chefe da Casa Civil, Eliseu Padilha. Clique aqui para ler a notícia.

Sigilo em risco
Reportagem da revista eletrônica Consultor Jurídico aponta que escritórios de advocacia têm se preocupado com o sequestro de informações. O crime ocorre da seguinte forma: hackers invadem computadores, criptografam os dados e depois os escondem. Pedem, então, um resgate para permitir o acesso novamente, normalmente cobrado em bitcoin (moeda digital). A prática recebeu o nome de ransomware. Na América Latina, 92% das vítimas de sequestro digital são brasileiras. Clique aqui para ler a notícia.


Entrevista da Semana
O presidente da seccional paulista da Ordem dos Advogados do Brasil, Marcos da Costa, afirma que discussões sobre mudanças no Judiciário só vão para frente quando há algum interesse de classe. Ele também defende a regulamentação do lobby no Brasil e aponta problemas nas dez medidas contra a corrupção propostas pelo Ministério Público Federal: “O Estado é incapaz de exercer as suas funções na investigação, na denúncia, no julgamento, mas vai tentar diminuir as suas deficiências não olhando para si próprio e vendo onde erra, mas diminuindo o direito de defesa.” Clique aqui para ler a entrevista.


Audiência
Medição do Google Analytics aponta que a ConJur recebeu 887,9 mil visitas e teve 1,3 milhão de visualizações de página entre os dias 2 e 8 de setembro. A segunda-feira (5/9) foi o dia com mais acessos, quando o site recebeu 159,6 mil visitas.

O texto mais lido, com 39 mil acessos, foi sobre a liminar que suspendeu a lei que obriga motoristas a trafegarem com farol aceso em rodovias. Para o juiz Renato Borelli, da 20ª Vara Federal em Brasília, os condutores não podem ser penalizados pela falta de sinalização sobre a localização exata das estradas. Clique aqui para ler a notícia.

Com 15,3 mil visitas, ficou em segundo lugar notícia de que a Ordem dos Advogados do Brasil do Rio de Janeiro quer fixar o piso de R$ 200 ao advogado audiencista — que passa o dia no fórum, mas não participa da elaboração da defesa. O documento oficial de pedido de regulamentação foi assinado por mais de 50 presidentes de subseções da OAB-RJ. Clique aqui para ler a notícia.


As 10 mais lidas
Justiça suspende lei que obriga motorista a trafegar com farol aceso em rodovia
OAB-RJ quer que advogado receba pelo menos R$ 200 por audiência
Advogados já devem seguir novo Código de Ética da OAB
Com fim do governo Dilma, José Eduardo Cardozo vira sócio do CM Advogados
TST altera quatro súmulas e uma orientação jurisprudencial
Para que réu pague dívida, juíza suspende CNH e confisca passaporte
Condomínio é condenado a pagar quase R$ 2 milhões a advogado
Advogado é agredido e preso durante protesto em Caxias do Sul (RS)
Sequestro de dados de computadores é preocupação a escritórios
Na ausência do pai, tio deve pagar pensão alimentícia para sobrinho incapaz


Manchetes da Semana
STF mantém atos processuais de cassação de Cunha por quebra de decoro
Prisão antes do trânsito em julgado levaria Brasil a adotar regras do Estado Novo
Indenização deve ter como base o valor do imóvel na data da ação de desapropriação
Na ausência do pai, tio deve pagar pensão alimentícia para sobrinho incapaz
Falha no envio de embargos não pode inviabilizar análise de pedido, afirma TRT da 3ª Região
Reportagens sobre crime não tiram imparcialidade de jurados, decide Teori
Advogado é multado por ajuizar ação trabalhista sem autorização do cliente
Entrevista – Marcos da Costa: “"Estado não cumpre suas obrigações e coloca a culpa no direito de defesa”
Sequestro de dados de computadores é preocupação a escritórios
Jovem que foi recrutado pelo tráfico não deve ser punido, diz desembargador

 é repórter da revista Consultor Jurídico.

Revista Consultor Jurídico, 10 de setembro de 2016, 10h51

Comentários de leitores

0 comentários

Comentários encerrados em 18/09/2016.
A seção de comentários de cada texto é encerrada 7 dias após a data da sua publicação.