Consultor Jurídico

Comentários de leitores

15 comentários

Para que serve o Poder Judiciário?

C.B.Morais (Advogado Autônomo)

Ao ler os comentários dos artigos da CONJUR, vejo como as pessoas que se identificam como operadores do direito fazem seus comentários fora do contexto do artigo, com paixões partidárias. Talvez por que nesses tempos, o que diz a lei não tenha mais sentido mesmo. O campo é livre e como comentaristas de futebol, o que vale é dizer qualquer coisa, mesmo que seja dispensável e extravagante.

Segundo dilma declarou

Fernando José Gonçalves (Advogado Sócio de Escritório - Civil)

junto a DELCÍDIO DO AMARAL (e consta do termo de Colaboração/Delação Beneficiada/Premiada) ela teria cinco Ministros "seus" no STF. Segundo os meus cálculos (que podem perfeitamente não estar corretos) eu cheguei a apenas quatro. Quem sabe se algum colega pode tentar identificar o quinto. Luiz Fux; Ricardo Lewandowisk; Rosa Webwer e Dias Tofoli . Alguém tem alguma sugestão do faltante ?

A histeria dos defensores do Tribunal de Exceção!

Paulo Jorge Andrade Trinchão (Advogado Autônomo)

Lendo e relendo os comentários abaixo, se nota de imediato que em nenhum deles se verifica a mínima preocupação com a preservação do ordenamento jurídico pátrio A Lex Mater, então, não existe, talvez seja a danada da "emoção apaixonante" que fala mais alto, e aí, veda a sensatez e a própria consciência jurídica dos fatos. O cidadão minimamente bem informado, percebe de pronto que o preclaro Ministro Teori se limitou a defender a ordem jurídica - por incrível! - ainda vigente neste país, e que juízes aloprados e midiáticos adotassem a imparcialidade e o devido respeito às normas legais, tão simples assim. Em um país sério de fato, o pueril e irresponsável sr. Moro ao autorizar o grampo da autoridade máxima do país, há muito ele e os manjados membros do MPF/PR, já estariam "enjaulados", mas, estamos na terra de pindorama, infelizmente. Porém, se concordam com a anarquia generalizada da ordem jurídica, que tal "lutar" para ser estabelecido um Tribunal de Exceção (não um Títere!), e aí, com a convulsão social implantada, salve-se quem puder. Por fim, não sou petista, não sou adepto do sr. Lula e tampouco da sra. Dilma, contudo, como cidadão e advogado (SP), sou simplesmente um adepto da ordem jurídica. Paz bem!

Cuidado com a sabotagem

Valdecir Trindade (Advogado Autônomo - Trabalhista)

O juiz Sergio Moro está enfrentando uma máquina colossal de praticar crimes. Verdadeira organização criminosa apoiada pela Presidente da República. Não imagino se no lugar dele não teria sucumbido às terríveis pressões que vem sofrendo. A sociedade percebendo a dureza do seu ministério, o apoia nas ruas de forma coesa e incansável. Não suportamos mais tanta impunidade e tanta lesão ao patrimônio público! E, de repente, vem o ministro Teori com esse discurso de cerca Lourenço? Já passou da hora das Associações de Juízes, Promotores, Policiais, Fiscais outorgarem apoios mais firmes ao grupo da Lava Jato! Já passou da hora!

Acho que ele quis se referir...

João Ricardo 1 (Outros)

...a um colega de plenário que adora falar fora dos autos e dar opiniões antecipadas sobre matérias que talvez tenha que julgar...

pura inveja

Gustavo P (Outros)

é uma pena...a o momento é de salvar o país dessa organização criminosa , antes que o PIB deste ano caia 8% , sem falar nos anos seguintes.

Quem é quem no stf

Fernando José Gonçalves (Advogado Sócio de Escritório - Civil)

Só será descoberto a partir de agora, se e com o processo de LULA guindado ao STF. Evidentemente que o molusco tem as suas razões para querer ser julgado pela máxima Côrte. Portanto há muitas dúvidas em relação aos ministros e seus pronunciamentos hoje "democráticos" sobre questões que futuramente lhe serão postas para julgar. Não nos esqueçamos de que o placar atual é de 8 X 3. É claro que isso não significa necessariamente o fim, mas também não pode ser desconsiderado. O PT já provou (em várias oportunidades) que sabe jogar, não ter escrúpulos e ser capaz de qualquer coisa (em sentido amplo) para conseguir o que busca. Portanto temos que estar atentos.

Pior cego

Zé Machado (Advogado Autônomo - Trabalhista)

Pior cego é o que não quer enxergar. O ministro Teori se agiganta perante o Estado Democrático de direito e o exercício da democracia, com hombridade e responsabilidade. Queremos todos os corruptos e criminosos punidos, mas, dentro dos limites da ordem jurídica posta.

cuidado "cumpanheiro"

WLStorer (Advogado Autônomo - Previdenciária)

O ministro petista deveria ficar com a boca bem fechada! Ele deve estar mal informado do último entendimento de que a Lei é para todos.

Se todos agissem com essa discrição...

jjjs (Outros)

Eis q temos os ânimos alterados e mesmo o mais cafajeste de todos, perde o q pensa ser a compostura: O Lula deveria aceitar a vara de Curitiba como foro e acabar de vez com o 'privilegio' para todos, ele tem todo direito de assumir o cargo pois o q se tem contra ele são indícios não corroborados por evidencia, o q lhe permite assumir sem problema. Responda ao foro de Curitiba assim q o novo Min da Jus mandar recolher o Moro a um quartel e acabe com foro privilegiado para tds, INCLUSIVE o do Mendes. Vai ser uma festa, o povo agradece, Mendes!
Esse foi minha contribuição aos blogs de hoje:
Com a decisão do Mendes ele criou precedências:
- Uma a intrusão no Poder alheio, não cabe ao judiciário nomear ou desnomear ministros. O Lula só pode ser removido se tiver algo TJ, ou se a Presidenta assim o decidir, correto?
- Ao remeter o caso do Lula de volta a paroquia de Curitiba, ele criou outro precedente, q eh o despojo do foro privilegiado a quem o tem, fazendo assim tds com cargos de ministros para baixo perderem o privilegio do foro especial.

O onus da prova da intenção do Lula fugir recai nos ombros de quem o acusa de faze-lo, no caso em si, o Mendes, e ja como sabemos q não cabe ao Mendes desnomear ministros sem ação TJ, q é o caso do Lula, o Mendes liberou tds os privilégios de tds os politicos q não os chefes dos poderes, incluindo ai a si próprio.
Na melhor das hipóteses, o Moro vai acabar na cadeia, pois o q ele fez não tem cabimento em lugar algum no mundo, e outro juiz sera nomeado a terminar o caso do Lula, com asas podadas e olhos sobre os ombros por vários atores dos direitos civis do mundo.
O Lula qd foi para Brasilia, foi sim esconder de persecução e não de julgamento, pois ao faze-lo, ele se pôs mais proximo do julgamento final.

Constituição

Oda Nobunaga (Outros)

Desbaratar uma quadrilha de corruptos é altamente louvavel, mas não precisa rasgar a Constituição. Acho que foi isso que o Ministro falou.

A corrupção está perdendo fôlego

jjjs (Outros)

Moro criou um estado de exceção, ja passado o estado de conflito: no ILIS, quando o DPF forçou o acesso ao SI sob coerção de prisão e não tomou providencias para q não se repetisse, e agora com o grampeamento sabido ou não, do telefone da Presidência, com notória publicidade. O Moro faltou comigo, como cidadão q não quero e não devo ter medo de policia e receio de intrusão ilegal de minhas coisas particulares, ou seja, meu direito básico de cidadania. E a narrativa esta no Lula, q pelo q li recentemente, tem todo o direito de fuga se sua prisão for iminente. Dai, o q penso ser o assunto do dia, quais as garantias q o seu Delegado acima me da de não ter minha vida vasculhada ate q se encontre uma fagulha de evidencia, q pode ser como não ser incriminatória?

Se todos agissem com essa discrição...

Willson (Bacharel)

Teori me parece o mais equilibrado dos ministros. É de carreira e foi nomeado por Dilma. Nunca foi um pavão, como o tucano e nunca se escondeu, como outros. Espero que o moro e o gilmar tenham entendido a dica.

Dias melhores

arthur brito (Outros)

Vivemos esperando o dia quem seremos melhores.
Dias melhores, pra sempre

A corrupção está perdendo fôlego

Juarez Araujo Pavão (Delegado de Polícia Federal)

Moro não está criando conflito, ele está desbaratando a maior quadrilha de corruptos que já se instalou nos poderes constituídos da República, com uma firmeza ímpar, e um brilhante trabalho na condução desse processo chamado de Lava Jato. Raríssimos juízes teriam a disposição e a capacidade de enfrentar um aparelhamento dentro do Estado Brasileiro com a magnitude dessa organização comandada pelo PT. Para exemplificar as dificuldades que há para o combate à corrupção no Brasil, lembremos do Mensalão onde o Ministro do STF, Joaquim Barbosa, foi pressionado com graves ameaças a ponto de pedir aposentadoria para preservar a sua vida e de seus familiares. Contudo, felizmente, a corrupção está perdendo fôlego.

Comentar

Comentários encerrados em 26/03/2016.
A seção de comentários de cada texto é encerrada 7 dias após a data da sua publicação.