Consultor Jurídico

Defesa da sociedade

OAB quer acesso a delação de Delcídio e estuda pedir impeachment de Dilma

Retornar ao texto

Comentários de leitores

13 comentários

Aos plantonistas da OAB

VASCO VASCONCELOS -ANALISTA,ESCRITOR E JURISTA (Administrador)

Por Vasco Vasconcelos, escritor e jurista. Não aceito insultos rasteiros. Não é da alçada da OAB e de nenhum sindicato avaliar ninguém. Parem de pregar o medo o terror e a mentira. (Armas dos tiranos). Art. 209 da CF diz que compte ao poder público avaliar o ensino. É falsa a afirmativa de que OAB lucraria muito mais com a entrada desses profissionais em seus quadros. Na realidade há Seccionais que o número de advogados inadimplentes com anuidades chegam a quase 30%. Veja o mapa de apurações das últimas eleições para Presidente das Seccionais da OAB onde só votaram os advogados quites com anuidades.Se Karl Marx fosse nosso contemporâneo, a sua célebre frase seria: Sem sombra de dúvida, a vontade da OAB, consiste em encher os bolsos, o mais que possa. E o que temos a fazer não é divagar acerca da sua vontade, mas investigar o seu poder, os limites desse poder e o caráter desses limites.Antes da promulgação da Lei Áurea, era legal escravizar e tratar as pessoas como coisa, para delas tirarem proveitos econômicos. A história se repete: O caça-níqueis da OAB, cuja única preocupação é bolso de advs. devidamente qualificados pelo Estado (MEC), jogados ao banimento, renegando pessoas a coisas. Há três anos durante o lançamento do livro ‘Ilegalidade e inconstitucionalidade do Exame de Ordem do corregedor do TRF da 5º Região, Des. Vladimir Souza Carvalho, afirmou que exame da OAB é um monstro criado pela OAB. Disse que nem mesmo a OAB sabe do que ele se trata e que as provas, hoje, têm nível semelhante às realizadas em concursos públicos para procuradores e juízes.É uma mentira que a aprovação de 10% dos estudantes mensure que o ensino jurídico do país está ruim. Não é possível falar em didática com decoreba.completou o Des.Vladimir Carvalho.

Será....há como é bom o Ceará!!!!

Pek Cop (Outros)

A OAB tinha que pedir o fim do PT!

Impeachment por colaboração premiada?

Bruno César Cunha (Advogado Assalariado - Civil)

Mais uma piada da OAB, que agora endossa um vazamento ilegal de informações processuais. Triste ver que a OAB considera uma mera colaboração premiada como prova.

Ao Sr. Vasco

FelipeD (Advogado Associado a Escritório - Tributária)

Se a pretensão da OAB fosse puramente arrecadatória, seria mais fácil não ter exame de ordem, pois as anuidades que os advogados pagam são quase 10x maior que o valor de inscrição em um exame de ordem. O exame de ordem é absolutamente necessário, uma vez que filtra diversas pessoas sem qualquer aptidão para a advocacia. E, convenhamos, não é tão complicado de passar. Sugiro, pois, aos que querem ser advogados, que estudem. Pois se não conseguem passar em um exame da OAB, não tem condições de advogar.

Espetáculo teatral

VASCO VASCONCELOS -ANALISTA,ESCRITOR E JURISTA (Administrador)

Por Vasco Vasconcelos escritor e jurista. Trata-se de mais um jogo de cena da OAB. No impeachment de Collor lhe rendeu o famigerado, caça-níqueis exame da OAB, onde vendem-se dificuldades para colher facilidades. OAB abocanhou nos últimos vinte anos cerca de quase R$ 1,0 bilhão de reais, sem nenhuma transparência, sem nenhum retorno social e pasme, sem prestar contas ao TCU. Essa excrescência é tão lucrativa que o Congresso Nacional está infestado de PLs querendo estender para todas profissões. Nenhum jornal nacional tem peito de fazer um reportagem sobre o real faturamento desse caça-níqueis seus satélites (cursinhos, editores, livraria) e os reais prejuízos causados ao país com esse contingente de escravos contemporâneos, devidamente qualificados pelo Estado (MEC) jogados ao banimento. E agora o que os mercenários irão exigir para defender o impeachment? Vagas no STF? vagas no quinto dos apadrinhados? Até quando o Catilina abusarás da nossa paciência? Menos muros mais pontes. Como esses escravos da OAB irão comprovar experiências jurídicas de três anos exigidos pelos Tribunais se não tem direito ao trabalho? Correndo o risco de serem presos por exercício ilegal da profissão? Esses caras estão extasiados com o dinheiro farto e fácil. Qual o medo do omisso Congresso Nacional abolir de vez a última ditadura a escravidão contemporânea da OAB? O fim dessa excrescência exame da OAB significa mais emprego mais rendas mais contribuições para Previdência Social e maior respeito aos direitos humanos Assistir os desassistidos e integrar na sociedade os excluídos. Menos muros mais pontes. JÁ NÃO ESCRAVOS. MAS IRMÃOS PAPA FRANCISCO. Se p/ser ministro do STF não precisa ser adv. Se p/ocupar vagas nos Tribunais OAB se utiliza de listas de apadrinhados (..)?

Orgulho da advocacia

brunotorchia (Advogado Associado a Escritório - Administrativa)

Esse Lamachia está restaurando o orgulho da advocacia no país. Tenho certeza que alguém como ele irá promover profundas mudanças no país em prol não só dos advogados, como também da sociedade.

OAB no golpe paraguaio?

ju2 (Funcionário público)

Wadih: Justiça dá Golpe de Estado

Obscuro juiz assalta instituições

O Deputado Wadih Damous disse ao ansioso blogueiro sobre a prisão de Lula por Moro:

- É o Golpe de Estado perpetrado pela Justiça.

- Um obscuro juiz de Curitiba põe de joelhos o Estado e as instituições do Poder.

http://www.conversaafiada.com.br/brasil/wadih-justica-da-golpe-de-estado

Já passou da hora!!!

Levi Thomaz (Advogado Assalariado - Propriedade Intelectual)

Infelizmente a OAB está perdendo o trem da história, junto a ele, o seu protagonismo e prestígio perante a sociedade. Temos que promover uma grande mobilização nacional da classe no combate à corrupção, pela transparência da coisa pública e pela ética. É preciso manter a vigilância e os olhos bem atentos também aos nossos Tribunais e a outras instituições. Não podemos deixar que este mau nos atinja, tampouco que nos amordace. É preciso coragem. Vamos recuperar o prestígio de outrora, a tempos ocupado pelo Ministério Público. Dia 13/03 é uma ótima oportunidade. E então?

Alguém tem dúvidas de culpa da Presidente ?

Flávio Lawall (Advogado Autônomo)

Vamos esperar o país falir (mais do que já está) para então atribuir responsabilidades a Presidente Dilma ?
E quanto a sua gestão na Petrobras, uma instituição pivô dos diversos condenados por corrupção, necessitamos de alguma prova mais para incriminá-la ?

Alvíssaras! Prudência e Independência dão sinais de vida

L.F.V., LL.M (Advogado Assalariado - Tributária)

Será possível? Estaremos diante de uma quase que miraculosa retomada daquela altiva independência que outrora caracterizava a postura pública desta digna (e tão sui generis - mas por justa razão) corporação? Há, claro, de se ter prudência, mas esperemos que belas palavras sejam seguidas por refletida e digna ação. Ainda que concedamos a boa vontade do Presidente em dar resposta à sociedade, aos fatos (cujas assombrosas dimensões sequer permitiriam seguir calado) e à legalidade constitucional, sabemos bem os interesses que pesam sobre triste parte do Conselho Federal. Que Lamachia não esmoreça e, sem dispensar cautela e virtude (aquela de que bem fala o hino de seu Rio Grande natal), mostre não se ter reduzido a OAB a mera repartição do antigo e vasto programa gramscista de ocupação de espaços: como outrora, como nunca, seja nossa Ordem a linha de frente em defesa da institucionalidade, da cidadania e da Constituição, mesmo (senão principalmente) no confronto com um titânico "projeto criminoso de poder"!

Toda ajuda necessária

Marcos Alves Pintar (Advogado Autônomo - Previdenciária)

A meu ver a OAB atual não possui nem compromisso com a advocacia, nem com a cidadania, mas dada a crise que os petistas nos colocaram toda e qualquer ajuda visando extirpar esse povo do Estado brasileiro é bem vinda. Só espero que essa "possibilidade de pedir o impeachment" não seja apenas mais uma forma de pressão por cargos, como sempre foi.

Avante OAB!

Manente (Advogado Autônomo)

Juntos somos mais fortes!!!

Decisão precipitada

Fernando José Gonçalves (Advogado Sócio de Escritório - Civil)

pelo menos em relação ao ex-Ministro da Justiça, Cardozo. É que esse foi o seu primeiro esclarecimento público e como autor da "trilogia" dos fatos, é necessário esperar pelos outros dois para só então fazer uma análise séria e pontual. No episódio do 'suposto' recebimento dos advogados dos "propineiros", numa primeira declaração ele NEGOU. Depois confirmou ter esbarrado em UM DELES na lanchonete do Planalto (quando procurava por um Mack Donald e não encontrou) e, finalmente, admitiu TER RECEBIDO TODOS os colegas em seu gabinete e sem hora marcada, aliás como normalmente fazia com qualquer mortal que o procurasse (na qualidade de agente público dos bons que é) e em conformidade com a lei -que ele, melhor do que ninguém conhece- mas que na ocasião apenas falaram sobre futebol e não sobre a Lava Jato. Portanto, particularmente, acho que seria mais prudente deixar Cardozo de lado, por enquanto, e esperar dele as outras duas novas explicações que melhor se conformem aos acontecimentos narrados por Delcídio. Lembremo-nos do bom e velho ditado caipira que assim reza: "CESTEIRO QUE FAZ UM CESTO, PODE MUITO BEM FAZER UM CENTO DELES".
A história mal começou !

Comentar

Comentários encerrados em 11/03/2016.
A seção de comentários de cada texto é encerrada 7 dias após a data da sua publicação.