Consultor Jurídico

Notícias

Você leu 1 de 5 notícias liberadas no mês.
Faça seu CADASTRO GRATUITO e tenha acesso ilimitado.

Simpatia ao terror

PF prende 10 acusados de planejar atentado terrorista nas Olimpíadas

A Polícia Federal cumpriu na manhã desta quinta-feira (21/7) 10 mandados de prisão temporária de brasileiros suspeitos de planejar um atentado terrorista nas Olimpíadas. As ordens (12, no total) foram emitidas pela 14ª Vara Federal de Curitiba e executadas em 10 estados.

Eles foram detidos temporariamente por 30 dias (prorrogáveis por mais 30) com base na recente Lei Antiterrorismo (Lei 13.260/2016). Os crimes de que são acusados estão previstos nos artigos 3º (“promover, constituir, integrar ou prestar auxílio, pessoalmente ou por interposta pessoa, a organização terrorista”) e 5º (“realizar atos preparatórios de terrorismo com o propósito inequívoco de consumar tal delito”).

Os investigadores acreditam que os detidos fazem parte de uma célula do grupo terrorista Estado Islâmico no país. Informações obtidas pela PF a partir da quebra de sigilo telefônico e de dados revelaram indícios de que os suspeitos manifestam intolerância racial, de gênero e religiosa.

Além disso, os arquivos apontam que eles planejam ações com armas e emprego de táticas de guerrilha. Em entrevista coletiva, o ministro da Justiça, Alexandre de Moraes, afirmou que os suspeitos estavam em contato com um vendedor do Paraguai para comprar fuzis AK-47.

Moraes também destacou que nunca houve um encontro de todos os suspeitos, mas que eles se comunicavam frequentemente pelos aplicativos de troca de mensagens WhatsApp e Telegram. De acordo com o ministro, houve ordem de líderes do Estado Islâmico para que os acusados iniciassem treinamentos de tiro e artes marciais. O processo tramita em segredo de Justiça. Com informações da Assessoria de Imprensa da JF-PR.   

Revista Consultor Jurídico, 21 de julho de 2016, 12h43

Comentários de leitores

8 comentários

Críticas prematuras

Ribas do Rio Pardo (Delegado de Polícia Estadual)

Não seria de bom tom esperar a conclusão da investigação, a apresentação do que foi apurado para depois tirar conclusões? Há brasileiros alistados ao E.I. no exterior por que aqui não? Ao contrário do que disse o MAP e outros comentaristas há muito terroristas transitam pelo país, nunca fomos alvos porque nunca conflitamos seus interesses, agora com o evento e possível que atentem contra estrangeiros. O tempo dirá se foi mero devaneio ou ação bem sucedida.

Terrrorista "brasileiro"

Luiz Fernando Vieira Caldas (Contabilista)

Isso me faz lembrar do personagem do saudoso Chico Anizio, o "Bento Carneiro o Vampiro Brasileiro". Parabens Dr.Marcos Alves Pintar, taxar de terrorista meia duzia de imbecis por postarem "imbecilidades" via internet, é expor mais ainda, o Brasil ao ridiculo. Aqui, se houver atentado terrorista similares aos paises citados, afirmar que estaremos, de fato, totalmente desprotegidos. Permita fazer minhas , suas sabias palavras.

Defesa contra o terrorismo

Axel (Bacharel)

Para combater o terrorismo, deveríamos recrutar certos "adevogadozinhos" mequetrefes, que por nunca terem tido capacidade de passar num concurso, odeiam todos os servidores públicos deste país. Aqueles mesmos que são leões na internet, mas na frente do juiz parecem gatinhos. Aqueles que, por falta de clientela, ficam diariamente destilando veneno em sites diversos, loucos para criticar qualquer um que não seja "dotô". Aqueles que até em investigações sigilosas têm o poder de adivinhar tudo que se passou na investigação.
E por falar de poder de adivinhação, poderiam usar este dom para saírem da condição de insignificância absoluta no meio jurídico para uma posição que inspirasse qualquer relevância. Aliás, essa mesma irrelevância deve ser o motivo de tanto ressentimento, tanta frustração. O sucesso alheio torna muitos seres humanos criaturas cronicamente depressivas.
Para certos fracassados, restar gritar sozinho contra o resto do mundo, esperando que alguém os ouça. Na verdade, chega a ser engraçado...

Ver todos comentários

Comentários encerrados em 29/07/2016.
A seção de comentários de cada texto é encerrada 7 dias após a data da sua publicação.