Consultor Jurídico

Intervenção judicial

Lewandowski suspende reintegração em área que formou "exército" contra PM

Retornar ao texto

Comentários de leitores

9 comentários

So fica surpreso quem opta por isso.

hammer eduardo (Consultor)

Dentro da "bancada petralha" no STF ( 8 nomeados em 11 ) , o dito "expoente máximo" sempre que pode bota as manguinhas de fora apoiando teses alinhadas de conformidade com os ditames petralhas e bolivarianos . Na melhor das hipóteses desta vez ficou caracterizado que o ente "Estado brasileiro" amarelou em vista da ameaça de um exercito Brancaleone paulista , é a entubação de forma gravíssima contra a ordem institucional no Brasil.
Certamente se essa estupidez prevalecer , esses movimentos pseudo-sociais vão ganhar massa critica e corremos um seríssimo risco de baderna institucionalizada na porta da casa de cada um.
Graças a Deus que esse ministro que foi escolhido num salão de cabeleireiro de São Bernardo do Campo encerra este ano sua catastrófica vilegiatura numa poltrona mais alta em que ate as pedras da rua sabiam que não tinha a menor condição.
Triste paiszinho vagabundo como o nosso que é obrigado a assistir a este circo dos horrores institucional em que a "cumpanheirada" de toga esta sempre do lado de variadas formas de bandidagem com o carimbo de Brasilia. A que ponto chegamos.

é a visão da esquerda..... certamente deve ser marxista

daniel (Outros - Administrativa)

o STF virou o Tribunal dos Camaradas com este Presidente Petista no Poder que tem visões de coitadismo penal e social.

mensalão

Ciro C. (Outros)

Alguém se lembra de como eram as discussões nas plenárias do mensalão? lembram-se dos argumentos apresentados? lembram-se dos Brasil(is) apresentados?
Enfim...
Qual a novidade?

Intervenção no stf

Sergio Battilani (Advogado Autônomo)

Atores sociais? O Estado defendendo o crime? A que ponto chegamos!

Inacreditável...

Gregório Matos (Advogado Sócio de Escritório - Internacional)

Por que o ministro Lewandowski não cede seus imóveis aos sem-terras? Ah, sim: no dos outros é refresco!

No Brasil vale tudo...

Gabriel da Silva Merlin (Advogado Autônomo)

E depois perguntam porque as coisas são tão difíceis no Brasil, aqui pode tudo e não há respeito a nada.

Aliás, só não pode abrir uma empresa e tentar produzir, pois ai sera um explorador do trabalhador, do consumidor e do pais.

Incentivo à violência?

Alessandro Chiarottino (Professor Universitário)

Sem conhecer os detalhes do caso ou o teor exato das decisões, em princípio parece-me que andou bem o TJSP ao determinar a execução da reintegração. O fato dos moradores se armarem e constituírem uma verdadeira milícia para enfrentar a PM, constitui em si mesmo ato gravíssimo, e não pode ser "premiado" com a suspensão da reintegração. Ao assim fazer, o Ministro sem dúvida incentiva outras pessoas na mesma situação a resistirem violentamente às determinações judiciais do Estado Democrático de Direito. Certamente, o grave problema social da falta de moradia, tão presente na Grande São Paulo, não pode ser resolvido com o incentivo à ocupação ilegal e à resistência violenta à lei.

Avalizando a barbárie

Mônica Corrêa (Administrador)

E assim o Stf vai avalizando o desrespeito à CF e introduzindo a insegurança jurídica na norma. Pobre Brasil! Pobres de nós, sem lei e sem governo.

Direitos flexíveis?

João B. G. dos Santos (Advogado Autônomo - Criminal)

E assim as pessoas que não cumprem a Lei são beneficiadas justamente pelo Poder encarregado de aplicá-la, em prejuízo -sempre- dos legítimos detentores de direitos que são flexibilizados em razão dos "direitos fundamentais" dos transgressores. Vivemos todos sob a mesma Lei ou não?

Comentar

Comentários encerrados em 21/01/2016.
A seção de comentários de cada texto é encerrada 7 dias após a data da sua publicação.