Consultor Jurídico

Artigos

Opinião

Novo CPC primou pelo princípio da primazia da resolução do mérito

Comentários de leitores

5 comentários

Agradecimento. Outros comentários

Leandro Quariguazi (Advogado Associado a Escritório - Civil)

Muito obrigado, pessoal. Mandei outro artigo, também sobre o novo CPC, com algumas considerações acerca dos embargos de declaração.

Parabéns

Resec (Advogado Autônomo)

Artigo muito útil. Poste, por gentileza, outros comentários sobre o novo CPC. Grato.

Muito bom!

Roberta Quintaneiro (Advogado Assalariado)

Esse artigo será muito útil, principalmente considerando as relevantes mudanças trazidas pelo NCPC sobre o Agravo de Instrumento. Parabéns!

Parabens!!

Roberta Quintaneiro (Advogado Assalariado)

Este artigo será muito útil, principalmente considerando as relevantes modificações trazidas pelo NCPC, relativas ao agravo de instrumento. Excelente!

Muito bom!

Roberta Quintaneiro (Advogado Assalariado)

Este artigo será muito útil, principalmente considerando as relevantes modificações trazidas pelo NCPC, relativas ao agravo de instrumento. Parabéns!!

Comentar

Comentários encerrados em 4/09/2016.
A seção de comentários de cada texto é encerrada 7 dias após a data da sua publicação.