Consultor Jurídico

Notícias

Você leu 1 de 5 notícias liberadas no mês.
Faça seu CADASTRO GRATUITO e tenha acesso ilimitado.

Tecnologia jurídica

Vara federal testa participação de advogados em audiências via Whatsapp

O advogado vai defender seu cliente e chega o momento de formular perguntas às testemunhas. Ele pega o celular e por meio do WhatsApp conversa com seus colegas de escritório, que acompanham a audiência pela internet, para que lhe ajudem com os melhores questionamentos para a estratégia traçada. O procedimento já está sendo testado na 7ª Vara Criminal Federal de São Paulo.

A iniciativa é possível por meio do Blog Federal, lançado pelo juiz Ali Mazloum, titular da vara. A página foi inaugurada há pouco mais de um mês e surgiu com o objetivo de tornar mais fácil para alunos de Direito de todo Brasil o cumprimento de horas de estágio em acompanhamento de audiências. Mazloum transmite pela internet, ao vivo, as audiências que comanda e depois participa de conversa com os alunos. Ao final, os estudantes recebem um certificado. Os advogados interessados em participar das audiências devem procurar a secretaria da 7ª Vara Criminal Federal. 

Por enquanto, foram seis audiências transmitidas e o número de participantes online é expressivo: 10 mil alunos de Direito de vários estados brasileiros assistiram às audiências da 7ª Vara Criminal Federal. Além disso, o blog — que é parceiro da ConJur — já teve mais de um milhão de visitas.

O objetivo da iniciativa não é apenas facilitar o estágio, mas aproximar os estudantes do funcionamento prático do Poder Judiciário. O juiz federal projeta uma ampliação da iniciativa. “Em breve, possivelmente estaremos transmitindo às segundas-feiras as audiências trabalhistas aos alunos de todo o Brasil partir do Foro Trabalhista de Guarulhos, com o juiz Flávio Laet e o Tribunal do Júri. O objetivo é fazer pelo menos uma vez por semana, para que os alunos possam não só estagiar, mas de fato haurir aprendizado prático”, explica Mazloum.

Agenda
As próximas audiências com transmissão garantidas são ainda no mês de outubro. A primeira, será na terça-feira (27/10) e tratará do crime de roubo contra os Correios, praticado em concurso de pessoas, sendo interessante do ponto de vista jurídico por ter havido sequestro relâmpago do carteiro. A segunda será na quinta (29/10) e trata de corrupção de guardas municipais que desviaram armas da campanha do desarmamento promovido em campanha Nacional da União

Clique aqui para acessar o Blog Federal.

Revista Consultor Jurídico, 26 de outubro de 2015, 7h05

Comentários de leitores

2 comentários

Excelente iniciativa!

João Corrêa (Estagiário - Previdenciária)

Parabéns!

Muito bom!

Rejane Guimarães Amarante (Advogado Autônomo - Criminal)

Muito bom mesmo.!

Comentários encerrados em 03/11/2015.
A seção de comentários de cada texto é encerrada 7 dias após a data da sua publicação.