Consultor Jurídico

Notas Curtas

Da Redação

Blogs

Você leu 1 de 5 notícias liberadas no mês.
Faça seu CADASTRO GRATUITO e tenha acesso ilimitado.

Bastidores da bola

Advogado Carlos Miguel Aidar renuncia
à presidência do São Paulo

Nem acordos de delação premiada ou complexas operações empresariais. O que movimentou alguns dos principais nomes da advocacia de São Paulo nos últimos dias foi o futebol. O advogado Carlos Miguel Aidar, sócio do Aidar SBZ, renunciou nesta terça-feira (13/10) à presidência do São Paulo Futebol Clube, onde tinha mandato até abril de 2017. A banca afirma não ter qualquer ligação com as atividades de Aidar no clube (leia a nota abaixo).

A saída ocorreu depois de uma crise interna que culminou com acusações de corrupção pelo seu ex-vice-presidente Ataíde Gil Guerreiro — e que ainda devem ser analisadas pelo conselho deliberativo do clube. A carta de renúncia foi entregue no escritório do criminalista Antônio Cláudio Mariz de Oliveira, conselheiro do São Paulo e amigo de Aidar. Outro são-paulino que acompanhou a crise de perto foi o jurista Ives Gandra Martins, também membro do conselho. Quem assume o comando do clube é outro advogado: Carlos Augusto Barros e Silva, presidente do conselho deliberativo.

Leia a nota do Aidar SBZ Advogados:
Com referência ao noticiário dos últimos dias envolvendo o São Paulo Futebol Clube, o AIDAR SBZ Advogados esclarece que o sócio Carlos Miguel Aidar está afastado das suas atividades do escritório desde que assumiu a presidência do São Paulo Futebol Clube, em abril de 2014, há um ano e meio portanto.

Somos um escritório de advocacia atuante em várias áreas do direito, para clientes dos mais diversos setores da economia, com uma equipe formada por mais de 250 profissionais, guiados pela cultura da meritocracia, transparência e ética. 

As atividades do AIDAR SBZ são e sempre foram absolutamente distintas dos projetos pessoais de seus sócios, não existindo, assim, qualquer relação do escritório com a atuação de Carlos Miguel Aidar como presidente do São Paulo Futebol Clube.

O escritório tem rígidas políticas de governança corporativa e de compliance, com gestão profissional a cargo da Diretoria Executiva, responsável pela administração financeira e organizacional da instituição, respeitando as melhores práticas do mercado corporativo.   

O AIDAR SBZ reafirma seu compromisso de atuar com excelência, integridade e respeito na prestação de serviços jurídicos, no atendimento dos seus clientes e parceiros.

Topo da página

Revista Consultor Jurídico, 13 de outubro de 2015, 20h42

Comentários de leitores

1 comentário

Sérgio

Sergio Soares dos Reis (Advogado Autônomo - Família)

Não sei o que há de importante neste matéria, eis não ser jurídica.

Comentários encerrados em 21/10/2015.
A seção de comentários de cada texto é encerrada 7 dias após a data da sua publicação.