Consultor Jurídico

Notícias

Você leu 1 de 5 notícias liberadas no mês.
Faça seu CADASTRO GRATUITO e tenha acesso ilimitado.

Verdade revelada

OAB divulga relatório sobre atentado que matou secretária em 1980

O Conselho Federal da Ordem dos Advogados do Brasil divulgou o relatório completo que apurou os autores do atentado a bomba contra a sede da entidade no Rio de Janeiro, em 1980, que matou a secretária Lyda Monteiro. O documento é de autoria da Comissão Estadual da Verdade do RJ.

O presidente do Conselho Federal, Marcus Vinicius Furtado Coêlho, entregou uma cópia do relatório ao procurador-geral da República, Rodrigo Janot, solicitando que o órgão tome as medidas cabíveis. “Queremos que a história do Brasil seja escrita de forma adequada e, principalmente, alertar a sociedade para a importância de defender a democracia, para nunca mais repetirmos os erros do passado”, afirmou Marcus Vinicius.

Em 1980, a OAB denunciava desaparecimentos e torturas de perseguidos e presos políticos pela ditadura militar. A bomba foi endereçada ao então presidente da Ordem, Eduardo Seabra Fagundes.

Segundo testemunhas ouvidas pela Comissão da Verdade, a ação foi comandada pelo coronel Freddie Perdigão Pereira, e a bomba foi confeccionada pelo sargento “Wagner” (Guilherme Pereira do Rosário, morto no atentado do Riocentro). O sargento “Guarani” (Magno Cantarino Motta), agente do DOI, foi quem entregou pessoalmente o artefato e é o único ainda vivo.­ Com informações da Assessoria de Imprensa da OAB.

Clique aqui para ler o relatório da Comissão Estadual da Verdade do Rio de Janeiro.

Revista Consultor Jurídico, 7 de outubro de 2015, 11h53

Comentários de leitores

2 comentários

Igual ao Governo Dilma

Marcos Alves Pintar (Advogado Autônomo - Previdenciária)

Enquanto isso advogados são mortos quase todos os dias, e a OAB pouco se importa. Vale somente a aparência.

E hoje?

Eduardo.Oliveira (Advogado Autônomo)

A omissão institucional "mata a profissão".
Atualmente, tenho certeza de que nem um tipo de regime teria preocupação com a OAB.
O indesculpável e triste acontecimento dos anos 80 decorreu da forte atuação e da verdadeira percepção do papel da Advocacia naqueles tempos.
Hoje, não precisam de canhões, nem de bombas.
As sementes de desrespeito são suficientes.

Comentários encerrados em 15/10/2015.
A seção de comentários de cada texto é encerrada 7 dias após a data da sua publicação.