Consultor Jurídico

Consultor Tributário

Ministro Marco Aurélio é homenageado pelos 25 anos no Supremo Tribunal Federal

Retornar ao texto

Comentários de leitores

5 comentários

Reinado?

Armando do Prado (Professor)

Não há o que se comemorar. Evento que marca presença eterna num órgão público é de se lamentar. Urge que se limite a presença de ministros no STF. Dez anos seria razoável e proveitoso evitando-se a 'eternidade' dos Mellos, um indicado pelo Sarney e o outro por Collor

Observador...

Estrupício Hermenêutico (Outros)

Eu mesmo tenho me amparado em decisões do Ministro, não poucas vezes. Às vezes penso que os outros Ministros esquecem o cérebro em casa e comparecem às sessões de cabeça vazia, porisso ele costuma ser o único voto divergente. Mas sou radicalmente contrário a aborto, e o que ele disse sobre fetos anencéfalos foi doloroso. Cometeu a chamada "falácia mereológica" ao reduzir o ser humano ao cérebro. Eu não sou o meu cérebro! Meu cérebro é instrumento de todo o meu ser. É preciso registrar essa nódoa na carreira de sucesso do Ministro.

Estrupício Hermenêutico (Outros)

Observador.. (Economista)

Concordo com o senhor.O Ministro, se de fato se referiu a fetos desta forma, errou.
Mas entre erros e acertos, pois somos (alguns em Brasília esquecem) todos areia no vento da existência, acredito que os acertos e a visão técnica e moderna do Ministro, muito contribuíram para o melhor andamento da Justiça brasileira.

Parabéns

Observador.. (Economista)

"Quando encerrar a sua carreira, em 12 de julho de 2021, ele terá se tornado o magistrado que por mais tempo terá permanecido na suprema corte. Os cidadãos brasileiros e a história republicana do país serão os maiores beneficiados dessa conquista."
Não poderia ser mais precisa a análise sobre a trajetória do eminente Ministro.Como arejou a Corte e bem representou o contribuinte brasileiro.
Parabéns!

Coisas!

Estrupício Hermenêutico (Outros)

No infame julgamento dos anencéfalos, o Ministro Marco Aurélio definiu esses seres vivos como COISAS! Tentou o Ministro lhes retirar a humanidade, como se o atributo de humanidade fosse uma concessão que estivesse ao nosso alcance. Desde que existem seres humanos no planeta, o ser gerado no ventre da mulher por um homem é um ser HUMANO!

Comentar

Comentários encerrados em 3/12/2015.
A seção de comentários de cada texto é encerrada 7 dias após a data da sua publicação.