Consultor Jurídico

Notícias

Você leu 1 de 5 notícias liberadas no mês.
Faça seu CADASTRO GRATUITO e tenha acesso ilimitado.

Novo integrante

Jorge Mussi será ministro substituto do Tribunal Superior Eleitoral

O ministro Jorge Mussi, do Superior Tribunal de Justiça, foi empossado como ministro substituto do Tribunal Superior Eleitoral (TSE). A cerimônia foi conduzida pelo ministro Dias Toffoli, presidente da corte eleitoral.

Mussi foi eleito no último dia 29 de setembro pela Corte Especial do STJ para ocupar a vaga do ministro Herman Benjamin, que, desde 27 de outubro, sucedeu o ministro João Otávio de Noronha como membro efetivo da corte eleitoral.

“Dizemos que a eleição mais complicada é a eleição municipal, e no ano que vem estarei aqui para prestar a minha contribuição. Espero poder contribuir para o Brasil, o processo eleitoral e a democracia deste país.”

Carreira
Natural de Florianópolis (SC), o ministro Jorge Mussi formou-se em direito pela Universidade Federal de Santa Catarina em 1976. Foi desembargador do Tribunal de Justiça catarinense de 1994 a 2007, ocupando a presidência daquela corte de 2004 a 2006. Tomou posse como ministro do STJ em dezembro de 2007.

Foi corregedor-geral da Justiça Federal de abril a outubro deste ano. É professor convidado permanente da Escola Superior da Advocacia (OAB-SC) desde 1994. Em sua trajetória na magistratura, também juiz substituto do Tribunal Regional Eleitoral de Santa Catarina de 1988 a 1989 e juiz efetivo do TRE-SC de 1989 a 1991. Também foi presidente daquele tribunal regional de 2003 a 2004. Com informações da Assessoria de Imprensa do TSE.

Revista Consultor Jurídico, 14 de novembro de 2015, 16h15

Comentários de leitores

0 comentários

Comentários encerrados em 22/11/2015.
A seção de comentários de cada texto é encerrada 7 dias após a data da sua publicação.