Consultor Jurídico

Notícias

Você leu 1 de 5 notícias liberadas no mês.
Faça seu CADASTRO GRATUITO e tenha acesso ilimitado.

Comunicação direta

OAB cria Comissão Especial da Advocacia Corporativa para dialogar com empresas

O Conselho Federal da Ordem dos Advogados do Brasil criou, nessa quarta-feira (17/3), a Comissão Especial da Advocacia Corporativa, reunindo diretores jurídicos de grandes empresas do país.

Presidente do Conselho Federal, Marcus Vinícius (centro), empossa comissão.
OAB

Tomaram posse na comissão representantes das seguintes empresas: Vale (Clovis Torres); Golden Cross (Carlos Henningsen); Telefônica-Vivo (Breno Oliveira); Marfrig (Heraldo Geres); ThyssenKrupp (Marcos Gabrijelcic); Amil (Henrique Souza); Ipiranga (Guido Rogério Silveira); Tim (Jaques Horn); FTD (Victor Linhares Bastos); Firjan (José Roberto Borges); Gerdau (Expedito Luz); Poupex (Beatriz Castilho); e Bauduco (Natalie Oliveira). 

Eles foram empossados pelo presidente da OAB, Marcus Vinícius Furtado Coêlho, em solenidade que contou ainda com a presença do membro do Conselho Nacional de Justiça Fabiano Silveira, do presidente da OAB-CE, Valdetário Monteiro, e da secretária-geral da OAB-DF, Daniela Teixeira.

Após a posse, já houve a primeira reunião, na qual foram definidos sete grupos de trabalhos sobre temas como a padronização das garantias judiciais, a extensão das prerrogativas da advocacia ao departamento jurídico das empresas, sugestões para aprimorar o currículo do ensino jurídico visando formar melhores profissionais, e estudos sobre indicadores de eficiência e métricas de resultado das empresas, dentre outros. Os grupos serão coordenados pelo conselheiro federal da Paraíba, Wilson Sales Belchior.

Para o presidente da comissão, Caio Cesar Rocha, havia uma lacuna na relação entre a entidade de representação e os departamentos jurídicos das empresas. Para ele “a atividade econômica privada é essencial para a advocacia, assim como a advocacia é essencial para a atividade empresarial”.

De acordo com o vice-presidente da comissão, Miguel Matos, “no momento atual do país, de instabilidade econômica, política e social, a reunião de um grupo seleto de pessoas qualificadas contribuirá para o desenvolvimento de ideias e intercâmbio de experiências a fim de melhor preparar a advocacia para os desafios que virão, nas esteiras dos problemas enfrentados pelo país”.

Ficou ainda definido que nas próximas reuniões serão convidados especialistas para apresentar considerações sobre determinados temas específicos. As reuniões serão mensais e itinerantes. No próximo mês, a reunião será em São Paulo e o ex-ministro do Superior Tribunal de Justiça Gilson Dipp discorrerá sobre a Lei Anticorrupção (Lei 12.846/2013) e seus reflexos para os departamentos jurídicos das empresas. Com informações da Assessoria de Imprensa da OAB.

Revista Consultor Jurídico, 18 de março de 2015, 18h31

Comentários de leitores

1 comentário

E os outros?

Gusto (Advogado Autônomo - Financeiro)

Por que apenas um segmento? Por que não houve a participação de representantes de convênios médicos, empresas de seguro e instituições financeiras, cujo volume contencioso é monstruoso?

Comentários encerrados em 26/03/2015.
A seção de comentários de cada texto é encerrada 7 dias após a data da sua publicação.