Consultor Jurídico

Comentários de leitores

12 comentários

Que tal pensarmos um pouco?

Fernando Bornéo (Advogado Autônomo)

Curiosamente depois das manifestações de 15 de março, a canalhada política se assanhou tratando o que se viu nas manifestações como se pedíssemos uma reforma política, levando a Anta Presidente a marcar festejo para hoje quando regulamentará a lei anticorrupção. Esses marginais querem mudar o rumo do histórico dia 15 de março, quando se pediu a saída da Anta Presidente, que seria um marco para reduzira corrupção no país. Será que dá para entender se o Crime de Peculato precisa de regulamentação, bem assim os demais Crimes contra a administração pública e da justiça? Por favor, não façam meus de descarga e meus ouvidos de penico. Precisamos, para fazer uma limpeza na classe política, de uma INTERVENÇÃO MILITAR, até porque se a Anta Presidente pedir prá sair, outros marginais estarão prontos a assumir seu lugar mantendo o estado de coisas que aí está em estado permanente. Não aguentamos mais ser comandados por BANDIDOS nos três poderes da república, e somente uma faxina à la intervenção militar pode dar jeito no país como ajeitado ficou o país após 1964 depois de sufocado o golpe do qual a Anta Presidente fazia parte.

Singularidade brasileira

Fernando José Gonçalves (Advogado Sócio de Escritório - Civil)

Vejam que coisa interessante, a par de curiosa e paradoxal:
O Min.da Justiça (criador da trilogia da verdade) reúne-se com o Presidente do Senado para discutir e 'agilizar' medidas anti-corrupção.Aos olhos dos menos avisados isso não parece uma coisa excelente ?Claro que sim,não fossem alguns "senões":O Min.Cardozo, da Justiça, n/ é aquele que negou á NAÇÃO qquer. contato com os advºs. das empreiteiras da Lava Jato ?Pilhado na mentira,e numa segunda versão, n/é o mesmo que depois admitiu,atribuindo o evento ao"acaso", num esbarrão c/ os colegas advºs.nas dependências de um dos restaurantes do Congresso? Novamente desmentido por assessores e jornalistas inconvenientes (de plantão na imprensa "marronzista") n/ é aquele que botou o seu "staf" para funcionar e então desenterrou um decreto embolorado (já que nunca usado) do então presidente F.H.C. que impunha a qquer. político o dever de atender a quem quer que fosse (até mesmo sem marcar audiência) ? UFA ! Como fiel cumpridor das leis, n/seria ele a apresentar a 3ª versão: SIM, recebi os advogados em obediência legal, mas nada falamos sobre a LAVA JATO ? OK ! Agora, é ele mesmo quem vai procurar RENAN CALHEIROS (Pres. do Senado) e,para o bem do país, este se prontifica a dar seguimento urgente às propostas da presidente contra a corrupção ?Ué, mas n/ é o mesmo Renan, aquele investigado nessa operação da P.F.? Que consta na lista negra do PGR entregue ao Min. Zavaski? Espera aí.Também n/foi a mesma Pres.Dilma, á época Pres. do Cons. Deliberativo da Petrobrás, quem autorizou a compra do "elefante branco" PASADENA ? -que não vale nem 1/3 do que foi pago por ela-? N/é possível, tem coisa errada. Há muitos homônimos no Poder e é isso que dificulta o entendimento da situação do Brasil pela população.

Politicos Salvos

Rogemon (Advogado Assalariado - Financeiro)

Por que crimes de corrupção praticados por deputados federais e senadores não foram incluídos na proposta? Como se vê hoje, eles são principais beneficiários do esquema.

Pacote anti corrupção

Jose Antonio Dias (Advogado Sócio de Escritório - Civil)

Toda essa bobagem elaborada pelo governo corrupto para punir sua própria corrupção. É um pacote para regulamentar a corrupção. Só neste País. É escabroso! Vergonhoso! E esse4 idiota do ministro da justiça tem coragem de vir a público e defender tal cretinice jogando na cara dos brasileiros que todos somos corruptos. As vezes chego a pensar que, realmente o brasileiro tem o gene da corrupção e isto precisa ser regulamentado para coibir exageros. Acho que estou ficando maluco e vou sair pela rua resmungando.. " eu não entendo...eu não entendo..."

Delegados Federais são ignorados na elaboração do pacote

Diogo (Delegado de Polícia Federal)

Curioso isso.
Tudo o que está acontecendo agora é resultado de inquéritos policiais presididos por Delegados de Polícia Federal. Afinal, a Operação Lava-Jato nada mais é do que um conjunto de inquéritos policiais federais.
Contudo, o ministro da Justiça José Eduardo Cardozo passou a tarde da terça-feira (17/3) discutindo as medidas com representantes do Ministério Público, da Controladoria-Geral da União, da Advocacia-Geral da União e do Judiciário e depois as levou para o Congresso Nacional.
Segundo nota da Associação Nacional dos Delegados de Polícia Federal - ADPF (www.adpf.org.br), o Exmo. Sr. Ministro se negou a receber a colaboração dos Delegados de Polícia Federal na elaboração desse anunciado pacote.
A pergunda é: por quê?

Lula também fez este joguinho político e público

daniel (Outros - Administrativa)

Lula também enviou um projetinho de lei durante crise de corrupção e depois engavetaram. O PT é uma safadeza só.

Ora, então envia uma medida provisória para combater corrupção e a Coitadinha da Dilma ainda concedeu indulto presidencial para corruptos ano passado...

Chinfrim demaissss

tbernardes (Contabilista)

Quem conhece a TEIA da corrupção sabe muito bem que tais medidas são INSUFICIENTES para atingir o grande objetivo, que é COMBATER VIGOROSAMENTE A CORRUPÇÃO!!! as ramificações estão espalhadas por órgãos/entidades estratégicos tais como: JUNTAS COMERCIAIS ESTADUAIS; RECEITA FEDERAL DO BRASIL; BANCO DO BRASIL; CAIXA ECONOMICA FEDERAL, ETC! se assim não fosse, nenhum GOVERNANTE se empenharia tanto para INDICAR um protegido seu para ocupar os POSTOS mais elevados desses orgãos e/ou entidades!! ACORDA BRASIL!!!

Mas...

João Afonso Corrêa Advogado (Advogado Autônomo)

Não bastaria ter aposto na própria lei que os crimes por ela regulados deveriam ter trâmite preferencial, mormente com a novel legislação processual sancionada dia 16/03/32015, que estipula lista cronológica de julgamentos, incluindo nela, então, tal ordem de preferência? Nossos legisladores são, de fato, muito ineficientes. Mas, a comunidade jurídica não se atentar a isso, é o mais lamentável. OAB, cadê você?! Tá comprada? Parece que sim, há tempos.

Poder econômico versus poder político

Adir Campos (Advogado Autônomo - Administrativa)

Iniciativa importante, e que contribuirá para o avanço da luta da sociedade contra a corrupção.
Todavia, enquanto o poder econômico tiver influência sob o poder político, não se pode ter maiores expectativas. É esse o ponto fulcral da questão, e não a mera troca de partidos no poder, como alguns ingenuamente acreditam.

???

WLStorer (Advogado Autônomo - Previdenciária)

Será que os nobres políticos aprovarão um “pacote anticorrupção” contra si mesmos? Será que os "cumpanheiros" vão dar um tiro no próprio pé?

corrupção

advogado acre (Advogado Assalariado)

Que tal tornar a corrupção praticada por agentes públicos em crime hediondo.

Será que o PT pensa que ainda acreditamos em promessas?

Marcos Alves Pintar (Advogado Autônomo - Previdenciária)

De se esperar apenas mais derrogação das liberdades e garantias individuais, com a concessão de mais poderes aos agentes públicos para lesarem ainda mais os cidadãos, além de uma nova série de promessas sobre rapidez no andamento dos processos que nunca se tornarão realidades. Estamos fartos de tudo isso.

Comentar

Comentários encerrados em 25/03/2015.
A seção de comentários de cada texto é encerrada 7 dias após a data da sua publicação.