Consultor Jurídico

Assistência judiciária

Insatisfação de advogado não pode prejudicar defesa, adverte entidade inglesa

Retornar ao texto

Comentários de leitores

2 comentários

Exemplo

Lucas Carnaúba de Oliveira (Advogado Assalariado - Tributária)

Acredito que este seja um excelente exemplo para a Defensoria Pública.

Lucas Carnaúba de Oliveira

Apenas um comentário

Hugo Leonardo S.S. (Advogado Associado a Escritório - Consumidor)

Que esse caso sirva de ilustração para os defensores do fim da Defensoria Pública. O Estado pagar advogados particulares para defender pessoas que são hipossuficientes da nisso, se os honorários não valem a pena, deixa que os assistidos que se virem.
Os advogados que comentam aqui deveriam ter menos dor de cotovelo e admitir que, como profissionais liberais que são, quando defendem algo ridículo e infundado que é o fim da Defensoria Pública, na verdade se preocupam muitos mais com o próprio bolso do que com as pessoas pobres ou hipossuficientes.

Comentar

Comentários encerrados em 5/08/2015.
A seção de comentários de cada texto é encerrada 7 dias após a data da sua publicação.