Consultor Jurídico

Comentários de leitores

4 comentários

Não publicou? Agora vai...

Eduardo. Adv. (Advogado Autônomo)

Faltaram os seguintes:
§ 2.º - se houver a impossibilidade de plena garantia de tratamento remuneratório mais benéfico em razão de invocação de isonomia com qualquer outra carreira jurídica, ficam vedadas, sob pena de responsabilização do agente, todas as formas de execução das atividades referidas no § 1.º até que se concretize de forma plena o direito previsto no caput deste artigo.
§ 3.º. o disposto no § 2.º aplica-se a todas as demais carreiras jurídicas referidas na Constituição Federal.

Faltaram os §§ 2.º e 3.º...

Eduardo. Adv. (Advogado Autônomo)

§ 2.º - se houver a impossibilidade de plena garantia de tratamento remuneratório mais benéfico em razão de invocação de isonomia com qualquer outra carreira jurídica, fica vedada, sob pena de responsabilização do agente, todas as formas de execução das atividades referidas no § 1.º até que se concretize de forma plena o direito referido no caput deste artigo.
§ 3.º. o § 2.º aplica-se a todas as demais carreiras jurídicas referidas na Constituição Federal.

Projeto de acordo com os defensores

Marcos Alves Pintar (Advogado Autônomo - Previdenciária)

"Art. 1.º - É propriedade privada dos defensores públicos todo o orçamento do Estado do Paraná.
§ 1.º - poderão os defensores públicos, a título de caridade, fornecer alguns recursos ao Estado do Paraná para atividades de pouca relevância como saúde, educação e segurança pública.
Art. 2.º - Revogam-se as disposições em contrário."

nada para o pobre, agora é apenas para o umbigo do Defensor

daniel (Outros - Administrativa)

nada para o pobre, agora é apenas para o umbigo do Defensor Público e nem comprovam nada acerca da pobreza. Nas comarcas pode faltar delegado de polícia, mas não o defensor público, ainda que sobrem advogados privados.... é o absurdo do corporativismo e do petismo que graça no lobby do Ministério da Justiça que apoiou esta Emenda Constitucional absurda.

Comentar

Comentários encerrados em 22/01/2015.
A seção de comentários de cada texto é encerrada 7 dias após a data da sua publicação.