Consultor Jurídico

Medidas alternativas

Decisão que suspende WhatsApp é viável, porém difícil de cumprir

Retornar ao texto

Comentários de leitores

4 comentários

Visão da vida num aquário

Gilberto Strapazon - Escritor ocultista. Analista de Sistemas. (Técnico de Informática)

O fato gerador realmente é algo a ser tratado, mas mandar fechar um serviço de comunicação é a mesma coisa que mandar fechar uma operadora de telefonia porque algumas pessoas usam o telefone para tratar de assuntos ilegais.
Na decisão, ao invés de intimar os gestores da empresa, os verdadeiros responsáveis, optou-se pela comodidade de uma decisão que afeta milhões de pessoas mas na prática, não pune ninguém.

Disparate.

Diogo Duarte Valverde (Advogado Associado a Escritório)

Não se prejudica milhões de pessoas que nada têm a ver com a história sob o pretexto de coibir a pornografia infantil. O raciocínio, levado ao extremo, inviabilizaria a própria Internet. Por que raios interromper o acesso ao WhatsApp de um universo inteiro de usuários em virtude de pessoas que a quase totalidade desses usuários nunca viram mais gordas? É uma decisão absolutamente absurda que, ao que parece, já foi derrubada.

cada um tem o seu conceito de atraso

_Eduardo_ (Outro)

Para mim, atraso eh não coibir a pornografia infantil.

Estamos eternamente condenados ao atraso?

Marcos Alves Pintar (Advogado Autônomo - Previdenciária)

Mais uma medida desproporcional, que mais uma vez envergonhará o Brasil no cenário internacional, tal como já ocorreu em diversas outras ocasiões.

Comentar

Comentários encerrados em 6/03/2015.
A seção de comentários de cada texto é encerrada 7 dias após a data da sua publicação.