Consultor Jurídico

Notícias

Você leu 1 de 5 notícias liberadas no mês.
Faça seu CADASTRO GRATUITO e tenha acesso ilimitado.

Diretoria feminina

Desembargadora Cezarinete Angelim assume presidência do TJ do Acre

O Tribunal de Justiça do Acre está sob o comando feminino. As desembargadoras Cezarinete Angelim, Denise Bonfim e Regina Ferrari assumiram, na última sexta-feira (6/2), a presidência, vice-presidência e corregedoria-geral de Justiça, respectivamente. É a primeira vez, em meio século de existência, que o TJ-AC será dirigido apenas por mulheres.

No discurso de posse, a desembargadora Cezarinete Angelim afirmou que sua prioridade, como presidente do TJ-AC, será promover a justiça social. “É preciso melhorar nossa audição para que possamos atentar aos reclamos das vozes que estão mais distantes e, os nossos olhos, a fim de que estejam mais atentos para contemplar a necessidade dos que mais precisam. Penso que esse deve ser o perfil do novo juiz: preocupado com os anseios sociais, integrado ao ambiente comunitário e aberto às críticas para constante modificação de suas ações”, afirmou.

Nesse sentido, afirmou ainda que investirá na conciliação. “Precisamos ser agentes pacificadores da sociedade e, acima de tudo, disseminar a cultura de conciliação, certos de que ela é a justiça fraterna pela qual lutamos há tanto tempo. A conciliação é a justiça do coração, a justiça fraterna, a justiça que creio e acredito. É a justiça feita pelas mãos das partes, ditada pela vontade superior, irretocável e indelegável das partes”, afirmou. Com informações da assessoria de imprensa do TJ-AC.

 

Revista Consultor Jurídico, 8 de fevereiro de 2015, 17h42

Comentários de leitores

0 comentários

Comentários encerrados em 16/02/2015.
A seção de comentários de cada texto é encerrada 7 dias após a data da sua publicação.