Consultor Jurídico

Quebra de decoro

Conselho de Ética do Senado escolhe nesta quinta relator do caso Delcídio

O presidente do Conselho de Ética do Senado, João Alberto Souza (PMDB-MA), recebeu nesta terça-feira (15/12) a representação por quebra de decoro protocolada pela Rede Sustentabilidade e pelo PPS contra o senador Delcídio do Amaral (PT-MS). A reunião do colegiado em que haverá o sorteio para definir o relator do processo foi convocada para quinta-feira (17/12), às 10h.

Delcídio do Amaral foi preso no dia 25 de novembro, acusado pelo Ministério Público Federal de tentar obstruir as investigações da operação “lava jato”. Ele terá dez dias para apresentar a defesa, a partir da data em que forem notificados pelo Conselho de Ética. Pelo Regimento Interno do Senado, os relatores não podem ser do mesmo partido nem do mesmo estado dos representados. Com informações da Agência Brasil.




Topo da página

Revista Consultor Jurídico, 16 de dezembro de 2015, 10h32

Comentários de leitores

0 comentários

Comentários encerrados em 24/12/2015.
A seção de comentários de cada texto é encerrada 7 dias após a data da sua publicação.