Consultor Jurídico

Processo banalizado

"Impeachment sem fundamento jurídico substitui voto por pesquisa de satisfação"

Retornar ao texto

Comentários de leitores

32 comentários

Vergonha

Carlos José Fernandes (Serventuário)

O Ministro Luis Inácio Adams envergonha toda a classe dos advogados públicos, que devem estrita e rigorosa defesa à legalidade e principalmente devem se decidar a exercer o controle de legalidade. O que o PT vem perpetrando quanto ao Orçamento é ilegal e o AGU é a autoridade que deveria apontar e obstar as ilegalidades. Assim, presta um enorme mal exemplo na gestão pública e aos outros advogados públicos do Brasil ao acorbertar, sem pudores, os crimes cometidos pelo PT e sua organização criminosa (já reconhecida como tal pelo STF). Esse senhor já escreveu o seu lugar na história. A comunidade jurídica, que tem a exata percepção das barbaridades jurídicas que esse AGU vem cometendo espera que o mesmo responda por seus atos ilegais (dolosamente ou mediante grave erro) nas instâncias competentes.

Defesa particular

andreluizg (Advogado Autônomo - Tributária)

Não é correto um servidor da administração pública defender de forma particular a presidente. A responsabilidade dela é pessoal e política.

O Brasil inteiro

Zé Machado (Advogado Autônomo - Trabalhista)

O Brasil inteiro está observando a mídia porca marrons e os canalhas da oposição pretendendo o golpe paraguaio. Isso trará grande perigo às instituições e desavença social sim. Para que ninguém tenha dúvidas. ao final da entrevista concedida à Maria Lygia da Tv Gazeta o jurista Miguel R. Jr deixou transparecer exatamente isso, o uso do impeachment para correções na economia o que é fatalmente o caminho mais inidôneo e sem fundamentos jurídicos e legais. Oportunismo e manobras da oposição com o impostor deputado presidente da câmara.

Canonização do Collor

Vic Machado (Advogado Sócio de Escritório - Administrativa)

Nesse país de gente sem memoria, lembro que o ex-presidente Collor foi cassado por muito menos: o pivot da crise foi um carrinho popular. Hoje estão roubando valores de fabricas de carro e não dá em nada. No Brasil cassar presidentes com vies de direita como era o Collor é muito saudável e democrático e está tudo dentro do "estado democrático de direito". Agora quando se trata de cassar esquerdopatas, a coisa vira golpe e coloca em risco a nossa frágil democracia. Em nenhum lugar do mundo civilizado as ideias alopradas da esquerda deram certo. Mas aqui no Brasil resolvemos experimentar dessa patologia social. Sociedades evoluidas aprendem com a experiencia das outras. Gente tacanha jamais aprende.

"entregaria o cargo que ocupa há seis anos"

WLStorer (Advogado Autônomo - Previdenciária)

Agora os ratos vão começar abandonar o navio! Já vai tarde o "cumpanheiro". E tem outro que disse que vai para Portugal ("cumpanheiro" José Eduardo Cardozo).

Tristeza. Advogado Público Concursado. Defende 'Governo'.

Paulo A. S. (Outros)

Como a dignidade dos brasileiros está cada vez em decadência. Um senhor titular de im cargo de estado defendendo um governo de plantão como um partidário político.

Além disso é nefasto um Advogado Público utilizar um argumento político em detrimento da hermeneutica jurídica básica. Nem silogismo há nesses palavrório. Resta dizer. VERGONHA! Vergonha!
Ps.: nao sou petista ou psdbista, sou apenas um cidadão indignado que deseja novas eleições pois entendo que a Presidente e seu Vice cometaram crimes de responsabilidade.

Macumunado

Marcos Alves Pintar (Advogado Autônomo - Previdenciária)

Se a OAB tivesse um mínimo de vergonha na cara, o que não tem desde há muito, instaurava um processo administrativo e excluía esse Adams de vez. Nunca um advogado disse tanta bobagem em pública visando defender um governo corrupto e incompetente.

Pelo que entendi...

Neli (Procurador do Município)

Pelo que entendi, a presidenta gastou em demasia para ser reeleita. Fez as pedaladas(ilegalidades,pedalada é eufemismo), para ser reeleita.Assim , atentou contra a Constituição Nacional ao "se servir do Estado" em seu benefício, isto é, para conseguir a reeleição.Atentou contra princípio democrático inserido na Constituição Nacional. Assim, há um fundamento real e plausível para o impedimento.Por outro lado, existe a instabilidade política com a presidenta permanecendo no Poder! Ela permenecendo, haverá crise em cima de crise, aliás, o que vem ocorrendo.O impeachment não trás a instabilidade ao país, aliás, poderá até pacificá-lo. E nem há que se falar em "golpe", o processo é político.Collor ,por exemplo, saiu impedido(aliás, tenho por mim que com a sua renúncia, o processo teria que ser terminado ali!)e pelo mesmo fato a ele atribuído, anos mais tarde foi absolvido na Augusta Corte( STF).E entrou Itamar Franco que pacificou o País.Recordo que Luíza Erundina, então do PT, recebeu e aceitou o convite para ser ministra de seu governo e o PT, por ser uma oposição aguerrida(diferentemente da atual!), a expulsou do partido. No mais, parabéns, Dr. por seu hercúleo e brilhante trabalho ,bem como ao Ministro da Justiça,José Eduardo.

insuportavel subserviencia

hammer eduardo (Consultor)

Excelente a postura do Conjur de na maioria das vezes tentar mostrar os dois lados da moeda mas quando abre espaço para este repugnante servo do dilmão a coisa complica e muito.
Já que esta na moda dizer esta imbecilidade pre- pronta , poderia dizer que "nunca dantiz" na historia da AGU alguém se prestou de maneira tão repugnante a papeis que mostram uma vassalagem nojenta quanto este gaúcho que deveria ter ficado la no seu belo Rio Grande do Sul. Impressionante como este elemento nunca consegue vislumbrar NADA de errado em todo o DESGOVERNO bandalhocrata e clepto dos petralhas incompetentes e ladrões , na visão dele moramos num Pais mais próximo da Noruega do que deste lupanar descontrolado nas mãos imundas da maior quadrilha de bandidos jamais reunida.
Alem de tudo é um tremendo cara de pau pois se desligou oficiosamente da função ate nobre de Advogado Geral da União para se converter em um "servo fiel" de primeira hora. A sua recente a acachapante derrota no julgamento das pedaladas no TCU já sinalizaria , caso houvesse um mínimo de vergonha naquele lugar , para jogar a toalha , esvaziar as gavetas e pegar o primeiro vôo DE IDA para Porto Alegre , ate mantenho a minha oferta de pagar a passagem para ele. Me enoja a que ponto certos elementos chegam para tentar vôos maiores sem terem dignidade e preparo para tal , afinal não podemos esquecer que foi um postulante escancarado de uma das ultimas vagas que abriram para o STF , não colou mas continua tentando , como diz aquele anuncio na TV , "vai que.....". É uma pena que o Brasil tenha chegado a este patético e repugnante abismo moral de um vale tudo de embrulhar os estômagos mais fortes. Que nojo TCHE !

Um errado fazendo o certo

Professor Edson (Professor)

Tudo começou por um errado que será cassado mais cedo ou tarde, mas, existem fatores claramente concretos que legalizam a abertura do processo de impeachment, e o PT sabe disso e começou a ficar com medo, tanto que fez um escarcéu ontem na casa legislativa do povo, colocaram os cangaceiros na frente das urnas e até vandalismo fizeram, uma vergonha.

Pois é

Veritas veritas (Outros)

E a conversa de que a AGU é de Estado e não de governo?

Cinismo

Gabriel da Silva Merlin (Advogado Autônomo)

Esses petistas são muito cínicos em falarem que não há fundamento jurídico para o impeachment, haja óleo de peroba para passar em tamanha cara de pau.

A presidente Dilma de maneira completamente escancarada e deliberada utilizou os bancos públicos para cobrirem as dívidas da União com os programas sociais. Além disso, também editou decretos abrindo créditos adicionais sem que houvesse prévia autorização do Congresso Nacional. Tudo isso, por si só, já configura o crime de responsabilidade, mas não bastasse isso o próprio TCU rejeitou as contas da presidente por essa flagrante ilegalidade.

Ninguém mais cai nas mentiras petistas.

Comentar

Comentários encerrados em 17/12/2015.
A seção de comentários de cada texto é encerrada 7 dias após a data da sua publicação.