Consultor Jurídico

Notícias

Você leu 1 de 5 notícias liberadas no mês.
Faça seu CADASTRO GRATUITO e tenha acesso ilimitado.

História revista

Justiça do RJ fará julgamento para "desenforcar" Tiradentes

O Tribunal de Justiça do Rio de Janeiro decidiu revisar a sentença que condenou à forca Tiradentes, líder da Inconfidência Mineira, e vai remontar o julgamento no Salão do Tribunal do Júri do Antigo Palácio da Justiça, no próximo dia 21 de abril. O evento tem como lema “Justiça ainda que tardia”.

Joaquim José da Silva Xavier será interpretado pelo ator Milton Gonçalves. O papel de juiz será do desembargador Claudio dell’Orto, e o criminalista Técio Lins e Silva atuará como advogado do réu. Sua linha de defesa é que Tiradentes só confessou participação no movimento sob tortura. Do outro lado, como promotor, estará o criminalista Jorge Vacite Filho. Mesmo antes do júri, o tribunal já revelou o final: Tiradentes será declarado inocente.

O elenco escalado para a encenação (da esq. para a dir.): o ator Milton Gonçalves, o desembargador Claudio dell’Orto e os advogados Técio Lins e Silva e Jorge Vacite Filho

Serviço:
Evento:
Desenforcamento de Tiradentes
Data: 21 de abril
Horário: a partir das 14h (distribuição de senhas a partir das 13h30)
Local: Salão histórico do Primeiro Tribunal do Júri
Endereço: Rua Dom Manuel, 29 – Centro – Rio de Janeiro-RJ

Revista Consultor Jurídico, 17 de abril de 2015, 18h07

Comentários de leitores

0 comentários

Comentários encerrados em 25/04/2015.
A seção de comentários de cada texto é encerrada 7 dias após a data da sua publicação.