Consultor Jurídico

Professor e advogado

Luiz Edson Fachin é indicado para vaga de ministro do Supremo Tribunal Federal

Retornar ao texto

Comentários de leitores

46 comentários

Jogo de interesse

WRezende (Advogado Autônomo - Consumidor)

Sds a todos!

É óbvio que o indicado não irá cumprir com suas funções de forma isenta, assim com Toffoli, Zavaski, Lewandovski e Barroso.

O Brasil já era. Sem o seu pilar central, Princípio da Igualdade, a democracia queda de forma repugnante.

E nós, aonde vamos?

Observadordejuris (Defensor Público Estadual)

Infelizmente, o Brasil "já era" como nação. O cinismo e o interesse rasteiro são a tônica na política desse governo. Tudo pelo poder autocrata de um partido só.

Geziel Almança (Oficial de Justiça)

Eududu (Advogado Autônomo)

Pode ser mesmo que não exista isenção absoluta dos magistrados.

Mas um pouco de discrição e pudor não faz mal à ninguém.

Como ele está se tornando magistrado agora, espero que se afaste do palanque eleitoral, para que ao menos finja bem sua isenção.

A demora valeu apena .

Vladimir de Amorim silveira (Advogado Autônomo - Criminal)

Felizmente a presidenta fez uma boa escolha, vamos torcer para o novo ministro ressuscitar o habeas corpus porque os que estão lá, na maioria, assassinaram o habeas corpus tornando a regra a prisão.

Só falta o Zé Dirceu!

Roberto MP (Funcionário público)

Se passar a "PEC da Bengala", não se espantem se ZÉ DIRCEU, atualmente com 69 anos, que é advogado e já cumpriu sua pena, seja indicado para o STF. E ele dirá como Zagalo: "agora vocês vão ter que me engolir"!

Indicação do ministro

Geziel Almança (Oficial de Justiça)

É interessante notar como a comunidade jurídica questiona cada nomeação de ministros do Supremo conhecendo as regras e sabendo que este também é um processo político. Será que acreditam mesmo na isenção absoluta dos magistrados?

Parabéns!!! (ironicamente)

Sergio Battilani (Advogado Autônomo)

http://leonardosarmento.jusbrasil.com.br/artigos/181196931/por-que-o-companheiro-de-pt-luiz-edson-fachin-para-o-stf-entenda?utm_campaign=newsletter-daily_20150415_1030&utm_medium=email&utm_source=newsletter

Mais um cabo eleitoral

Eududu (Advogado Autônomo)

Podem falar do curriculum do indicado, de seus livros, de seu notório saber jurídico e reputação ilibada(?), embora eu não o conheça (me perdoem o pessoal do fã clube do novo ministro).

Mas é evidentemente IMORAL (para dizer o mínimo) que um jurista que subiu e discursou em um palanque durante as eleições presidenciais de 2010 em apoio à candidata Dilma seja por ela mesma nomeado para ocupar uma vaga na mais alta corte do país.

Pode até ser mesmo grande jurista, de notório saber jurídico e reputação ilibada, mas já entra contaminado pelo viés político-partidário.

No fim das contas, mais um Ministro Cabo Eleitoral, não nos façamos de ingênuos.

Brasil il il il il il il il il...

De "Migalhas"

Marcos Alves Pintar (Advogado Autônomo - Previdenciária)

"A indicação de Fachin foi fechada por Michel Temer, sábado, na casa do ministro Lewandowski. E um dos grandes entusiastas teria sido o alcaide de São Bernardo do Campo, Luiz Marinho."

Nação fracassada

Luiz Carlos de Oliveira Cesar Zubcov (Advogado Autônomo)

As nomeações politiqueiras representam o ápice do fracasso democrático.
Enquanto se fala em combater a corrupção fortificam-se as muralhas de proteção da estrutura dos podres poderes com o pleno domínio do Judiciário.
Os indicados podem ser competentes, sérios e às vezes até admiráveis, mas seriam verdadeiros heróis se recusassem as indicações. Após a posse transformam-se em valorosos discípulos e renunciando aos valores éticos e morais acumulados passam a defender os seus QIs ou "mestres" com a própria vida.
Somente as algemas e o cárcere aos assaltantes dos cofres públicos poderá reacender a chama da esperança deste povo que é vilipendiado diariamente pelos crápulas que se alojaram nos drenos financeiros do Estado.

A teoria é excelente, mas a prática...

Eduardo. Adv. (Advogado Autônomo)

É que é lastimável...
Ora, as eleições proporcionais e majoritárias deveriam ser formas de afirmação (de conceitos e anseios) do Povo. Com a eleição do Executivo e do Legislativo, o Povo, em tese, estaria fixando os valores e destinos aos quais deseja sejam respeitados a partir daquele momento.
Mas só o Poder Judiciário, em sua cúpula, estaria imune à intenção do Povo? O Poder do Judiciário não se subordina à vontade do Povo? Lógico que sim! Mas a simples interpretação e aplicação da lei não é suficiente, porque - vemos isso todos os dias - magistrados nem sempre aplicam ou observam o "espírito da Lei" ou o "espírito da Constituição". Então, o fato de Tribunais Superiores serem compostos por pessoas do Povo via "Quinto" (e não unicamente por membros de uma casta, a do Judiciário) também parece atender, teoricamente, as necessidades da Democracia.
Ouvi, hoje, que o adequado seria: uma lista sêxtupla, submetida ao Legislativo, que formaria uma lista tríplice a ser submetida ao Executivo. O Executivo teria liberdade para indicar, e liberdade para indicar só um entre os três nomes. Pronto! Todo poder emana do Povo!
Mas aí aparecem o "jeitinho", a má política, os interesses escusos e subvertem tudo isso e pode acontecer de um medíocre ex-empregado-servo de partido, sem méritos ou visivelmente despreparado, compor um Tribunal Superior...

sabatina do Ratinho ............

hammer eduardo (Consultor)

Alias esqueci de mencionar que essa tal "sabatina" do Senado é uma PIADA de péssimo gosto pois vão para la cumprindo uma burocracia do sistema respondendo a perguntas idiotas daquele notório bando de despreparados intelectuais que mereciam ser tutelados.
Na realidade a verdadeira "sabatina" é feita inicialmente por interlocutores e depois tem um arremate a portas fechadas com os bandidos do Palácio do Planalto , a ida ao Senado volto a repetir , é uma piada GROTESCA , seria mais fácil mandar o candidato petralha em questão comparecer ao programa do Ratinho ou da Luciana Gimenez que são bem mais objetivos do que aquela patuscada oficial.
Lembremos que neste período de "trevas" petralhas , o único que ousou "roer a corda" e chutar o balde foi o Ministro Fux que chutou o balde e incomodou MUITO aos calhordas petralhas mormente no processo do Mensalão que em vista do atual , era uma singela reunião de escotismo. Hoje Fux esta isolado no seu forte Apache da dignidade cercado por pseudos-luminares do direito porem acorrentados por suas longas caudas a um sistema podre que deseja "apenas" o poder eterno no Pais , poder este é bom lembrar , tem vinculo apenas com a bandalheira e manutenção eterna de um modelo de DES-governo que não funcionou em NENHUM Pais do planeta. Pena que nosso povinho é mansinho , idiota e desinformado no geral , por essas e outras é que a cachorrada de estrelinha no peito esta nadando de braçada. Paiszinho nojento e cheio de POLTRÕES este nosso , infelizmente.

Parabéns!!! (ironicamente)

Sergio Battilani (Advogado Autônomo)

Será que repetiria o discurso???

https://www.youtube.com/watch?v=lXCRWiIkjcs

Sem discussão

San Juan (Consultor)

O professor Luiz Edson Fachin é um advogado com o mais alto destaque no país e no exterior. O que se possa falar de eventuais ligações políticas é a mesma conversa fiada de sempre: há quem gosta e quem não gosta... Em outras palavras, a sardinha não é tua, é minha!

Sou contra...

Neli (Procurador do Município)

Sou contra , a forma de indicação de ministros para o STF.É uma partidarização exacerbada e nota-se que até nisso o PSDB não faz oposição,aí chega-se em época de eleição veste a capa de oposição...Por outro lado, ministros, para as cortes superiores,deveriam ser desembargadores e não membros do MP ou advogados. Também sou contra o Quinto: membros do MP ou advogados que querem ser desembargadores que façam carreiras no Judiciário prestando concurso público.

magistrado ou não

afixa (Administrador)

todos os nomeados ao Stf, lá chegando se tornam advogados. Ou de si próprios (alterego) ou de algum grupo.

aparelhamento cirurgico e continuado no Gran-Circus STF

hammer eduardo (Consultor)

Dentro de sua filosofia Gramsciana de aparelhamento TOTAL de toda a maquina publica , os nefastos petralhas dão mais uma pincelada em seu projeto de poder absoluto com a nomeação de mais um escancarado "cumpanheiru" de toga. Antes que me alongue no assunto , sugiro a todos que vejam no YOU TUBE a um vídeo de "apoio desinteressado" dele a quadrilha petralha , para não terem grandes trabalhos a chamada é a seguinte " luiz edson fachini , indicado por dilma para o stf , faz um discurso de apoio" , esta tudo ali sem retoques para os eternamente iludidos como vemos aqui com aquele papo idiótico de que o cara é um detentor de "grande saber jurídico" e toda aquela papagaiada pré-pronta tão ao deleite dos nescios de ocasião.
O atual aparelhamento do pt no STF é um escândalo de ate maiores proporções do que o Petrolão em si pois a gran calhordia do PT recheia a "ultima corte" apenas com pessoas de sua confiança já prevendo com exatidão que a maioria deles ira sentar no banco dos réus mais cedo ou mais tarde , é uma apólice de seguro devidamente togada. As ultimas nomeações por sinal deixam isso de forma bem escancarada inclusive com a inclusão de um mero Advogado que depois de levar bomba duas vezes no exame para Juiz virou "apenasmente" Ministro do STF quando em tese deveríamos ter ali APENAS pessoas de alto saber jurídico o que não se enquadra no moçoilo com sua barbicha e sua falta de cabelo precoce. Agora temos mais um badalado petista que OBVIAMENTE não deverá criar maiores problemas para a atual cleptocracia petralha , mesmo que ela venha a ser escorraçada do poder em 2018 , com grande atraso por sinal. O que enoja são os elogios de coxia sem embasamento na realidade. Paiszinho nojento esse nosso.

Para os reclamões de sempre

MarcolinoADV (Advogado Assalariado)

Bastou o L.E. Fachin ser indicado para o pessoal de sempre cair matando nos comentários desqualificando-o, pois seria um representante do PT no STF. Esse mesmo pessoal anda ouvindo demais Jovem Pan e Bandeirantes.

Não sejamos hipócritas. Todas as indicações para o STF são políticas. E o que dizer de Gilmar Mendes, esse "exemplo de isenção"?

Sugiro começarmos uma campanha: MAP para ministro do STF.

Advocacia é atividade mais ampla do que a de juiz

Marcos Alves Pintar (Advogado Autônomo - Previdenciária)

As diversas alegações aqui lançadas no sentido de que uma melhor indicação recairia por sobre um magistrado de carreira não possui o menor cabimento. Quem está de fato na advocacia, trabalhando de verdade, sabe muito bem que o advogado é o primeiro juiz do processo. Advogar é uma atividade mais ampla do que julgar, sendo que nossa atividade em boa medida se volta a emiuçar a atividade do magistrado buscando sanar suas falhas. Qualquer bom advogado está apto a exercer a função de juiz, embora a recíproca nem sempre seja verdadeira.

Indicações ministeriais no âmbito judiciário:

Carlos Bevilacqua (Advogado Autônomo)

É indubitável que o governo (legislativo, executivo e judiciário) teria muito mais a ganhar com indicações de qualidade, entre os que tem experiência funcional como magistrados, para melhor desempenho profissional, adequado aos cargos ministeriais ligados à Magistratura. Certo?

Comentar

Comentários encerrados em 22/04/2015.
A seção de comentários de cada texto é encerrada 7 dias após a data da sua publicação.