Consultor Jurídico

Notícias

Você leu 1 de 5 notícias liberadas no mês.
Faça seu CADASTRO GRATUITO e tenha acesso ilimitado.

Centro da capital

Prédios do TRE-SP são ocupados por movimento por moradia popular

Dois prédios pertencentes ao Tribunal Regional Eleitoral de São Paulo, localizados na região central da capital paulista, foram ocupados na madrugada desta segunda-feira (13/4) por cerca de 250 integrantes do coletivo Movimento Frente Luta por Moradia. 

Os locais estão passando por reformas para abrigar algumas unidades da administração do TRE-SP, uma vez que o prédio atual da corte, no bairro da Bela Vista, não comporta mais todos os seus servidores.

Os prédios ficam nas ruas Libero Badaró e José Bonifácio. Durante esse período de reformas, o TRE-SP mantinha serviço terceirizado de seguranças armados, rendidos pelos invasores, e 11 carros de sua frota no local, já retirados na manhã de hoje.

As duas unidades, que já pertenceram à Justiça Federal, foram cedidos ao TRE-SP pela União. Como são tombados, o tribunal está aguardando autorização dos órgãos competentes para execução das reformas nas fachadas. Internamente, já houve a troca de pisos e trabalhos de impermeabilização.

A corte está tomando as providências cabíveis para a reintegração de posse e já recebeu relatos de arrombamento de portas e destruição de câmeras de vigilância. Com informações da Assessoria de Imprensa do TRE-SP.

Revista Consultor Jurídico, 13 de abril de 2015, 14h53

Comentários de leitores

1 comentário

Metralhadora neles

Gusto (Advogado Autônomo - Financeiro)

Nada que uma metralhadora não resolvesse em instantes, sem maiores consequências...

Comentários encerrados em 21/04/2015.
A seção de comentários de cada texto é encerrada 7 dias após a data da sua publicação.