Consultor Jurídico

Notícias

Sistema ineficiente

"Acordos criminais podem diminuir morosidade da Justiça brasileira"

Comentários de leitores

4 comentários

Honestidade

Pós graduando em Direito Minerário e Ambiental (Advogado Autônomo)

Vejam os senhores que em todos os momentos o autor se reportou à necessidade de honestidade, pois é fundamental para qualquer conduta humana.
Se pautarmos pelo bom senso, responsabilidade e honestidade, todos os projetos de mudanças, com toda a segurança, darão certo. É hora de inovar e simplificar os procedimentos, para que com a devida honestidade, tenhamos resultados surpreendentes na condução dos processos para a rápida solução das lides.
Precisamos, enquanto cidadãos e profissionais, disseminarmos a cultura da composição na solução dos conflitos pela via da mediação e da conciliação, de forma que a reserva do poder judiciário seja de fato para causas de maior complexidade.

Objetividade e celeridae

Anjospereira (Advogado Sócio de Escritório)

Na essência, os americanos pautam sua atuação em vários aspectos com objetividade e transparência. Lentidão custa dinheiro aos contribuintes e a certeza da impunidade. Claro, como ele ressaltou: Há deficiências. Mas não podemos negar que o sistema americano é mais eficiente que o nosso. A questão é cultural. No todo, é uma sociedade que não é conivente com a prática de corrupção e não toleram a mentira. Mentir perante a corte ou até mesmo em uma investigação de rotina pode ter sérias consequências. Portanto, as palavras do juiz norte americano são extremamente válidas e, inclusive, deveria nortear até mesmo o processo de seleção de juízes, barrando a entrada de pessoas com notória inexperiência de vida.

Nem todos aceitam tal instituto.

Bellbird (Funcionário público)

Nos Estados Unidos tem as suas críticas, pois muitos promotores tem agido com desonestidade, forçando acusados a aceitarem, sendo que muitas vezes os promotores sabem que ele seria absolvido no final. Na Inglaterra tal instituo é proibido. Querem trazer para cá e fortalecer ainda mais o promotor, pois caberá a ele a aplicação da pena com a homologação do juiz.

no Brasil 97% acaba em prescrição, mas...

daniel (Outros - Administrativa)

no Brasil 97% acaba em prescrição, mas como os operadores do direito recebem altos salários para fingir que trabalham e são eficientes, isto é bom para todos, até para a advocacia. Ou seja, gasta-se uma fortuna com processos criminais que depois serão prescritos nos Tribunais, afinal temos mais de 40 recursos criminais, aqui o próprio Estado acusa e defende em uma atividade esquizofrênica e paranóica.

Comentar

Comentários encerrados em 24/11/2014.
A seção de comentários de cada texto é encerrada 7 dias após a data da sua publicação.