Consultor Jurídico

Notícias

Você leu 1 de 5 notícias liberadas no mês.
Faça seu CADASTRO GRATUITO e tenha acesso ilimitado.

Nomeado pela presidente

Posse de Néfi Cordeiro no STJ ocorre em 3 de abril

A posse de Néfi Cordeiro como ministro do Superior Tribunal de Justiça será no próximo dia 3 de abril, às 17h. Desembargador do Tribunal Regional Federal da 4ª Região, ele foi indicado pela presidente Dilma Rousseff para a vaga aberta com a aposentadoria do ministro Castro Meira, em setembro de 2013, e sua nomeação ocorreu após aprovação em sabatina na Comissão de Constituição, Justiça e Cidadania do Senado. A sabatina ocorreu em 12 de março, e Néfi Cordeiro apontou a importância da gestão, vista por ele como importante ferramenta para a modernização do Judiciário.

De acordo com o novo ministro (foto), “é preciso que juízes e tribunais saibam gerir seus recursos, processos e tarefas para que tenhamos uma Justiça mais qualificada e mais célere”. Também foram abordados temas como a criação de novos tribunais regionais federais, a criminalização de condutas durante manifestações populares, a situação em presídios e a redução da maioridade penal.

Néfi Cordeiro nasceu em Curitiba (PR), formou-se em Direito e Engenharia Civil e fez mestrado e doutorado em Direito pela Universidade Federal do Paraná.

Ele começou a carreira na área pública em 1989, quando foi aprovado em primieito lugar no concurso do Ministério Público estadual. Cordeiro desempenhou as funções de promotor de Justiça em Araucária (PR) e Palmital (PR), entre 1989 e 1990. Também exerceu o cargo de juiz de Direito de 1990 a 1992, quando foi aprovado em primeiro lugar no concurso para a magistratura federal. Entre 1996 e 1999, foi vice-diretor do Foro da Seção Judiciária do Paraná.

Ele foi o mais votado na formação da lista tríplice enviada à presidente, em que constavam também os nomes de Ítalo Fioravante Mendes (TRF-1) e Luiz Alberto Gurgel de Faria (TRF-5). Néfi Cordeiro é veterano de listas tríplices. Já foi candidato outras duas vezes e, como de praxe, na terceira foi nomeado. Com informações da Assessoria de Imprensa do STJ.

Revista Consultor Jurídico, 24 de março de 2014, 14h46

Comentários de leitores

0 comentários

Comentários encerrados em 01/04/2014.
A seção de comentários de cada texto é encerrada 7 dias após a data da sua publicação.