Consultor Jurídico

Notícias

Você leu 1 de 5 notícias liberadas no mês.
Faça seu CADASTRO GRATUITO e tenha acesso ilimitado.

Soluções pela amizade

'O Brasil é o país dos conchavos', afirma Joaquim Barbosa

"Eu jamais permiti que se utilizasse a minha presença aqui como 'desculpa' para o racismo brasileiro." A afirmação é do presidente do Supremo Tribunal Federal, ministro Joaquim Barbosa. Em entrevista ao jornalista Roberto D’Avila, do canal GloboNews, que irá ao ar às 0h deste domingo, ele disse que não aceita que afirmem que o motivo de ele estar no STF é racial.

Barbosa conta ter havido vários convites do ex-presidente da República Luiz Inácio Lula da Silva para viagens à África, todos recusados pelo ministro, que os viu como uma estratégia de marketing. "Eu recusei terminantemente, primeiro porque não era da tradição da casa ministros do Supremo viajar em comitivas com o presidente da República. Segundo, porque eu percebi que aquilo era uma estratégia de marketing para os países africanos".

O ministro disse ainda ser duro para mostrar que não concorda com que tudo se resolva "na base da amizade" no país. "O Brasil é um país dos conchavos. E eu não suporto nada disso." Segundo ele, sua forma de reagir não pode ser levada para o lado pessoal.

A ConJur publica a entrevista na íntegra neste domingo (23/3). 

Revista Consultor Jurídico, 22 de março de 2014, 13h04

Comentários de leitores

5 comentários

Zé Machado (Advogado Autônomo - Trabalhista)

Eduardo.Oliveira (Advogado Autônomo)

Então o ex-Presidente Lula não sabia (ou não quis saber) do currículo dele?
Foi só pela melanina?
E se ele tivesse sido dócil com o Mensalão? A competência afloraria?

Ele está

Zé Machado (Advogado Autônomo - Trabalhista)

No STF exatamente por ser negro. Currículo por currículo, existem milhares melhores do que o dele na área jurídica brasileira.

Voto para ministro barbosa

mfontam (Advogado Sócio de Escritório - Administrativa)

Estava entusiasmado que neste ano de 2014 iria votar para o Ministro Barbosa no cargo de Presidente da República. Porém, infelizmente, no globonews o próprio Ministro Barbosa disse que não vai ser candidato. Disse que talvez seja candidato nas próximas eleições. Porém, acho que nas próximas eleições ninguém vai se lembrar do Ministro Barbosa que, prestaria uma grande ajuda à Nação Brasileira, se saísse agora candidato a Presidenta da República, momento em que sua popularidade está em alta. Nas próximas eleições, infelizmente, ninguém vai se lembrar do Ministro Barbosa. Barbosa seria uma esperança para o Brasil se fosse Presidente da República, é o que eu acho, desculpe-me que pensa diferente.

Ver todos comentários

Comentários encerrados em 30/03/2014.
A seção de comentários de cada texto é encerrada 7 dias após a data da sua publicação.