Consultor Jurídico

Artigos

Dscassez de advogados

Escritórios enfrentam dificuldades para contratar profissionais

Comentários de leitores

7 comentários

Alguém esperava diferente?

Leandro Melo (Advogado Autônomo)

O que os escritórios querem pagar a um advogado não dá nem para a própria subsistência, como pagar uma especialização? Pior, em que horário? Já que se trabalha no mínimo dez horas por dia.
Quanto aos estagiários que não prorrogam sua jornada, além de ilegal, é incompatível com a finalidade do instituto.
Ademais, a maioria não passa de officeboys com a carteira de estagiário da OAB, com certeza não é o que eles queriam estar fazendo.
Há tempos que a advocacia vem sendo industrializada, não há tempo para ler, nem discutir teses, e não esqueçamos: as decisões judiciais também são industrializadas (essas como consequência da doença produtividade).
Hoje se constroem "potências jurídicas", tendo como bases de sustentação, os trocadores de nomes e números em peças processuais. É a indústria do copia e cola.
E a culpa é do advogado?

Podiam pagar melhor, não??

Esperidião (Advogado da União)

Eu fiz 64 questões na primeira fase da OAB e 9,4 na segunda. Aí os escritórios "bons" me ofereceram "incríveis" R$1.000,00 para trabalhar (com custo de gasolina e alimentação por minha conta).
Para quem vem de família pobre e precisa ganhar dinheiro como eu, não dar.
Resultado, fui ser assessor de magistrado. Ganho 3,5 e estou me saindo bem no concurso para Delegado. Todavia, meu sonho ao entrar na faculdade era ser advogado...

Remuneração.

Jean Rovaris (Advogado Autônomo - Trabalhista)

Se os advogados neófitos forem mais bem pagos, não tenho a menor dúvida de que os jovens talentos ficarão na iniciativa privada.

A verdade sobre a escassez

wls (Estudante de Direito)

vai uma observação que sei que todos sabem;
querem estagiários melhores que invistam em outras linguas e capacitação pessoal profissional? me respondam como? aqui na Paraíba os escritórios pagam em média entre 350 a 450 reais para um estagiário! como exigir de alguem com uma imoral contribuição dessas? eu fui participar de um estagio que exigia até ter carro proprio, e sabe quanto era a bolsa? 400 reais! e o dono do escritorio me disse a mesma coisa queremos estagiarios comprometidos que busquem se qualificar parender um novo idioma e que se for necessario fique até mais tarde no escritorio! agora me respondam, como querer dignidade e bons profissionais se não querem valorizar e investir nisso, sabe quanto um advogado ganha aqui em começo de carreira?? 1500 reais! no maximo aqueles que conseguem um bom escritorio 2500, agora me digam, quem tem um pouco de condição, não vai prefirir estudar pra concurso a servir de escravo num escritorio?? eu gostaria muito de advogar, mas como? com uma carreira tão desvalorizada? tão mal remunerada? mas vão dizaer que existem vários advogados ganhando muito bem! uma exeção bem restrita a regra com certeza...

Procura-se escravos com OAB

Catalunia (Policial Militar)

A resposta deste artigo está no lamentável anúncio no jornal Correio Braziliense publicado em 2009 em que um escritório procurava motoboy com inscrição na OAB, pois tal publicação é o simbolo do desrespeito com os advogados com sua própria classe. Não há interesse de jovens bacharéis com está área pelo simples fato de esta já ter sido sitiada por grandes escritórios que exploram dos 'escraviários' aos ditos associados, que não passam de engodo às leis trabalhistas.
Tenho uma proposta a estes escritórios. Por que não importar advogados chineses, seria perfeito, mão de obra qualificada por algumas gramas de ração por dia.
Gostaria de saber quanto um desses escritórios "vitimas do escravo preguiçoso" paga a seus estagiários, ou melhor, a seus associados? Tenho certeza que justificará, e muito, a debandada de "escravos preguiçosos" para os "quilombos" dos concursos públicos.

Discordo totalmente

Luciano L. Almeida (Procurador do Município)

Quantidade tem demais. Qualidade, sim, está faltando. Além disso, a verdade é que esses escritórios que buscam contratação querem apenas pautistas, aqueles recém-formados que são largados nos foruns para cumprir apenas audiências e recebem quase que salário-mínimo. Sai mais em conta - e digno - alugar uma salinha e tentar a carreira.

a culpa é da OAB e dos coronéis da advocacia, pois não

daniel (Outros - Administrativa)

a culpa é da OAB e dos coronéis da advocacia, pois não querem concorrência e tentam limitar a entrada do jovem advogado no mercado de trabalho criando barreiras ilegais como vedação de publicidade na TV e rádio (sem respaldo legal), proibição de cooperativas, proibição de ONGs, criação de tabela de honorários mínimos e não criação de piso salarial (afinal os coronéis da advocacia não querem ter regra de salário para os novatos).
em suma, a culpa é da oab, pois controlada por coronéis autoritários e que criam regras que os beneficia.

Comentar

Comentários encerrados em 9/03/2014.
A seção de comentários de cada texto é encerrada 7 dias após a data da sua publicação.