Consultor Jurídico

Direitos Humanos

Diretores de penitenciária em Potim (SP) são afastados por agressões a presos

Retornar ao texto

Comentários de leitores

4 comentários

Cautela

Marcos Alves Pintar (Advogado Autônomo - Previdenciária)

Que a tortura existe nos presídios brasileiro isso é certo. Mas se foi fulano o zé ou chico quem praticou a tortura, ou foi conivente com a prática, aí já é outra história. Dificilmente alguém alinhado com o poder vai ser afastado no Brasil com isso. Apenas para exemplificar um juiz no Paraná viu policiais torturando pessoas bem na sua frente, e nada fez. Os torturados supostamente haviam furtado armas na casa do juiz. Só se soube do ocorrido através de uma inspeção do CNJ, que achou o caso no arquivo. O cidadão comum, bocó por natureza, vai pensar assim: a) temos muitas torturas; b) alguns foram denunciados; c) são culpados.

Tortura

Roberto Carlos Liberator Duarte (Advogado Autônomo - Criminal)

Este tipo de comportamento dos Diretores têm o apoio da SAP, pois em todos os Presídios existem algum tipo de perseguição contra os sentenciados. Muitas Juízes das VEC possuem conhecimento dos fatos mas ignoram. O Estado de São deveria ser denunciado a OEA pelo tratamento que perpetua contra os sentenciados. Segundo a lei todos os diretores poderão perder o cargo se ficar comprovado o crime de tortura. Falta de capacidade da SAP em fornecer um treinamento adequado para diretores das Penitenciárias.

Sr. Daniel

Fernando José Gonçalves (Advogado Sócio de Escritório)

Felizmente não faltarão advogados para promover a defesa dos Diretores. A agressão supostamente praticada pelos mesmos contra os detentos, por certo não se equipara àquela praticada pelos "coitadinhos" , à sociedade. Não sei por quê mas não tenho nenhuma dó de preso.

quem vai fazer a defesa dos diretores ?

daniel (Outros - Administrativa)

quem vai fazer a defesa dos diretores ?
é o paradoxo atual...

Comentar

Comentários encerrados em 1/07/2014.
A seção de comentários de cada texto é encerrada 7 dias após a data da sua publicação.