Consultor Jurídico

Notícias

Você leu 1 de 5 notícias liberadas no mês.
Faça seu CADASTRO GRATUITO e tenha acesso ilimitado.

Celeiro de ideias

Prêmio Innovare lança sua 11ª edição no TJ-SP

A 11ª edição do Prêmio Innovare será lançada em São Paulo na próxima terça-feira (8/4), às 11h, no Tribunal de Justiça de São Paulo. O objetivo é estimular a participação dos profissionais de São Paulo no Prêmio e divulgar o banco de práticas do Innovare, que está aberto para consultas no site da instituição. As inscrições já estão abertas pelo site do Innovare e vão até o dia 31 de maio.

O evento terá a presença do ministro Carlos Ayres Britto, presidente do Conselho Superior do Instituto Innovare; o presidente do TJ-SP, desembargador José Renato Nalini; o advogado Manuel Alceu Affonso Ferreira; e o desembargador Marco Antonio Marques da Silva.

Nesta edição, o tema para concorrer nas categorias Juiz, Tribunal, Ministério Público, Defensoria Pública e Advocacia será livre. Na categoria Prêmio Especial, o Innovare dará novamente oportunidade a profissionais graduados de qualquer área do conhecimento. Para concorrer, os interessados deverão encaminhar ao Instituto Innovare iniciativas que já estejam em prática. O tema nesta categoria será “Sistema Penitenciário Justo e Eficaz”.

Segundo o diretor do Instituto Innovare Carlos Araújo, fazer o lançamento regional da 11ª Edição do Prêmio Innovare em São Paulo é uma oportunidade de estar mais perto dos operadores do Direito na cidade, que é uma das mais ativas em número de participantes desde o início da premiação.

“São Paulo concentra quase a metade da advocacia do Brasil e tem um dos mais importantes e ativos judiciários do país. Não há como pensarmos em importantes e inovadores caminhos para a Justiça nacional sem passarmos por são Paulo”, afirmou.

Desde a criação do Prêmio, em 2004, o estado de São Paulo já recebeu oito prêmios principais e oito menções honrosas, incluindo duas na 10ª edição, no ano passado.

“O prêmio Innovare já se consolidou como usina de criatividade para um universo ansioso por audácia e ousadia: o Judiciário. São Paulo sempre aplaudiu e atuou com a oferta de inúmeras experiências bem sucedidas. O essencial agora é disseminar as boas práticas e materializar em todo o Brasil aquilo que já deu certo”, afirmou o presidente do TJ-SP, desembargador José Renato Nalini.

Em relação ao tema do prêmio deste ano, o diretor-presidente do Instituto Innovare, Sergio Renault, afirmou que o objetivo é descobrir práticas que já estejam em andamento e que colaborem para a melhoria do sistema. “A nossa expectativa é de que essa discussão possa trazer um bom resultado para toda a sociedade”, disse.

Em sua 10ª edição, no ano passado, mesmo sem a premiação em dinheiro, adotada para cumprir a resolução do CNJ, o Innovare teve 12% a mais de inscritos, com 464 trabalhos. Também em 2013, o Innovare entrou para as redes sociais, criando sua fanpage no Facebook, que ajuda a disseminar ainda mais as informações sobre as iniciativas premiadas, entre a população. Na fanpage e no site do Innovare estarão disponíveis as informações para que os interessados possam incluir seus trabalhos na seleção. Com informações da Assessoria de Imprensa do Instituto Innovare.  

Revista Consultor Jurídico, 3 de abril de 2014, 19h08

Comentários de leitores

0 comentários

Comentários encerrados em 11/04/2014.
A seção de comentários de cada texto é encerrada 7 dias após a data da sua publicação.