Consultor Jurídico

Notícias

Você leu 1 de 5 notícias liberadas no mês.
Faça seu CADASTRO GRATUITO e tenha acesso ilimitado.

Lançamento em outubro

Relatório do CNJ vai mostrar produtividade dos tribunais

A edição 2013 do Relatório Justiça em Números, do Conselho Nacional de Justiça terá uma novidade: o estudo também vai divulgar o Índice de Produtividade Comparada da Justiça (IPC-Jus). O dado vai apontar quais tribunais conseguiram resolver mais processos em 2012 e quanto cada corte poderia aumentar em sua produtividade. A pesquisa será apresentada nos próximos dias 15 e 16 de outubro, durante o VI Seminário Justiça em Números, em Brasília.

O método estabelece uma relação entre o que foi produzido (denominado output) e os recursos disponíveis para cada tribunal (denominados inputs). Os cálculos levam em consideração o volume de processos, a força de trabalho e as despesas com os resultados de produtividade obtidos.

No Relatório Justiça em Números de 2013, o índice é aplicado na comparação entre os tribunais da Justiça Estadual e da Justiça do Trabalho. Como a metodologia requer um quantitativo mínimo de unidades para que sejam obtidos resultados consistentes, não foi aplicada aos cinco tribunais da Justiça Federal. Também não foi empregada à Justiça Eleitoral e à Justiça Militar, devido às especificidades do processo judicial nesses dois ramos da justiça. Com informações da Assessoria de Imprensa do CNJ.

Revista Consultor Jurídico, 2 de outubro de 2013, 19h54

Comentários de leitores

0 comentários

Comentários encerrados em 10/10/2013.
A seção de comentários de cada texto é encerrada 7 dias após a data da sua publicação.