Consultor Jurídico

Comentários de leitores

4 comentários

Coitados...

Luiz Augusto da Fonseca (Advogado Autônomo - Previdenciária)

Esse relator??? Coitados dos credores do Estado do Rio Grande do Sul, pois esse é mais um dos guardiões do cofre!!!

Coitados...

Luiz Augusto da Fonseca (Advogado Autônomo - Previdenciária)

Esse relator??? Coitados dos credores do Estado do Rio Grande do Sul, pois esse é mais um dos guardiões do cofre!!!

País do caos

Marcos Alves Pintar (Advogado Autônomo - Previdenciária)

Veja-se a dimensão do caos. Primeiro foi editada uma norma constitucional inconstitucional, que derroga o alicerce da Constituição Federal. União, Estados e Municípios passaram a se utilizarem de critérios de atualização monetária que não atualiza, com o fim único de lesão os cidadãos. Depois de muitos anos o STF declarou a inconstitucionalidade da norma, quando o juiz de primeira instância determinou assim a utilização do índice anterior. Agora, vem o Estado junto ao STF reclamar pela aplicação DA NORMA DECLARADA INCONSTITUCIONAL pelo STF. Pergunto: como poderá haver Justiça na acepção da palavra em meio a todo esse caos?

E se fosse contra a sociedade a decisão não publicada?

Luiz Parussolo (Bancário)

De pressinha acatariam, não por defender o Estado porque para defende-lo primeiro defende seus cidadãos, mas, por defender o sistema corrompido que está mutilando o país e a maioria dos trabalhadores e empreendedores pequenos.
Estamos a deriva e sem socorro.

Comentar

Comentários encerrados em 18/11/2013.
A seção de comentários de cada texto é encerrada 7 dias após a data da sua publicação.