Consultor Jurídico

Notícias

Você leu 1 de 5 notícias liberadas no mês.
Faça seu CADASTRO GRATUITO e tenha acesso ilimitado.

Novo comando

Ministra Cármen Lúcia presidirá 2ª Turma do STF

A ministra Cármen Lúcia foi eleita nesta terça-feira (7/5) a nova presidente da 2ª Turma do Supremo Tribunal Federal, pelo período de um ano, a contar da próxima semana. A escolha segue tradição da corte de conduzir à presidência de seus órgãos colegiados os ministros com mais tempo de casa que ainda não tenham ocupado o posto. O ministro Ricardo Lewandowski, atual presidente do colegiado, desejou à sua sucessora êxito na tarefa. Ele enalteceu suas qualidades, citando ainda a experiência acadêmica da ministra Cármen Lúcia.

Ao agradecer as palavras, a nova presidente do colegiado afirmou que irá se empenhar para que a 2ª Turma apresente resultados em relação ao número de julgamentos. “Tenho certeza de que, com a colaboração dos senhores, nós levaremos a bom êxito a tarefa. Coloco-me à disposição para exercer a função de acordo com a conveniência do interesse público e, principalmente, para honrar a tradição do Supremo e, mais ainda, na sequência de uma presidência tão exitosa como têm sido todas as presidências do ministro Lewandowski, que pela terceira vez eu sucedo”, afirmou a ministra Cármen Lúcia, referindo-se também ao rodízio de cargos no Tribunal Superior Eleitoral.

Ao final de sua última sessão como presidente da 2ª Turma do STF, o ministro Ricardo Lewandowski enfatizou que foram julgados, durante sua permanência na coordenação do colegiado, 5.413 processos. “Isto se deve, sem dúvida, à proficiência dos ínclitos juízes que integram esta corte e à participação dos distintos e eminentes representantes do Ministério Público, que nos honram com sua presença. Quero agradecer a todos que colaboraram com essa minha gestão neste ano e, sobretudo, aos servidores da Casa e aos advogados que colaboraram para que os julgamentos pudessem ser levados a cabo a contento”, concluiu. Com informações da Assessoria de Imprensa do STF.

Revista Consultor Jurídico, 7 de maio de 2013, 21h32

Comentários de leitores

0 comentários

Comentários encerrados em 15/05/2013.
A seção de comentários de cada texto é encerrada 7 dias após a data da sua publicação.