Consultor Jurídico

Notícias

Você leu 1 de 5 notícias liberadas no mês.
Faça seu CADASTRO GRATUITO e tenha acesso ilimitado.

Manifestação popular

Barroso vê manifestações como evento histórico

Por 

O ministro do Supremo Tribunal Federal Luís Roberto Barroso, que toma posse nesta quarta-feira (26/6), disse, nesta terça (25/6), estar “feliz” pelo fato de sua chegada à corte coincidir com os protestos que têm ocorrido em todo o país nas últimas semanas. O novo ministro, que tem repetido que ainda fala na condição de acadêmico e advogado, lembrou seu próprio passado de militância estudantil e afirmou gostar de ver jovens nas ruas, embora condene a violência e o vandalismo.

“Fico feliz de chegar a um cargo no poder público com a juventude e o povo na rua. Essa é a energia que move a história. Energia do bem e da paz. A violência e a depredação não constroem nada de bom”, disse, nesta terça, por meio de sua assessoria.

Luís Roberto Barroso foi militante do movimento estudantil e presidente de centro acadêmico durante a segunda metade dos anos 1970. O ministro remeteu ainda sua familiaridade com “eventos de massa” ao fato de ter ele mesmo participado de manifestações.

O ministro foi um dos líderes da passeata realizada contra o regime militar em resposta à explosão de uma bomba na antiga sede da OAB, no Rio de Janeiro, em 1980. A explosão acabou matando a secretária do então presidente nacional da OAB, Seabra Fagundes.

 é repórter da revista Consultor Jurídico em Brasília.

Revista Consultor Jurídico, 25 de junho de 2013, 17h05

Comentários de leitores

6 comentários

Geração de mártires

Silva Leite (Estudante de Direito)

Atualmente, nomes pouco conhecidos na época da ditadura, aparecem e, de forma eloquente, anunciam terem participados de atos contra a ditadura, como se fosse uma MEDALHA o cargo público hoje empossado. O caso mais recente, que me perdoem a aminésia, aliás, pensei que fosse o único, seria a Dilma ter militado contra a ditadura. Agora apareceu este, também, contrata a bomba explodida na OAB-RJ. Será que tem mais algum que possa se fazer conhecido antes de ser indicado ou empossado em algum cargo público. Parece que manifestar é sinônimo de MÁRTIR.

Pois é

Observador.. (Economista)

Caro Dr.Fernando...ia ter gente que pagaria impostos escorchantes.
Quanto ao ministro barroso, como este senhor é uma unanimidade no meio jurídico, ficarei calado por uma questão de respeito à maioria.
Mas a opinião dele como advogado (registrada no YOUTUBE) e a opinião dele como ministro indicado, sobre a constituinte restrita, deveria chamar atenção das pessoas.
Algumas mudanças de opinião dizem muito sobre alguém.
Espero que este senhor surpreenda de forma positiva.O Brasil necessita.

Fala muito...

Johnny1 (Outros)

Midiático demais pro meu gosto.
Ao contrário da quase unanimidade, não gostei da escolha dele e acho que será mais um ministro do STF a esquecer.
Espero errar na previsão...

Ver todos comentários

Comentários encerrados em 03/07/2013.
A seção de comentários de cada texto é encerrada 7 dias após a data da sua publicação.