Consultor Jurídico

Notícias

Você leu 1 de 5 notícias liberadas no mês.
Faça seu CADASTRO GRATUITO e tenha acesso ilimitado.

Sexo com menores

Berlusconi é condenado a sete anos de prisão

Por 

Silvio Berlusconi, ex-primeiro ministro da Itália, foi condenado a sete anos de prisão por pagar para fazer sexo com uma menor de idade e ainda usar o cargo público para ajudá-la. Ele também foi punido com o banimento da vida política. A decisão foi lida nesta segunda-feira (24/6) no Tribunal de Milão e não é definitiva. O ex-primeiro ministro vai pode recorrer em liberdade ao Tribunal de Apelação e, caso queira, à Corte de Cassação da Itália. Ele também deve permanecer como senador até a condenação transitar em julgado.

O político foi condenado no escândalo que ficou conhecido como Rubygate, em referência à marroquina apelidada de Ruby. De acordo com a acusação, Berlusconi pagou para fazer sexo com Ruby quando ela tinha 17 anos e era, portanto, menor de idade. Ele também foi acusado de usar seu cargo para tirar a menina da prisão. Ruby negou ter feito sexo com o político, mas foi ela que revelou a animação das festas bunga-bunga, orgias que aconteceriam na casa de Berlusconi.

A decisão do Tribunal de Milão é de primeira instância, embora tomada por um painel de três juízas, todas mulheres. A condenação foi lida pela presidente do colegiado, juíza Giulia Turri, e acompanhada de perto por toda a imprensa da Itália e da Europa. De acordo com os relatos, Berlusconi não estava presente no momento da leitura da sentença.

Clique aqui para assistir a leitura da decisão, gravada e divulgada pelo jornal Corriere della Sera.

 é correspondente da revista Consultor Jurídico na Europa.

Revista Consultor Jurídico, 24 de junho de 2013, 14h13

Comentários de leitores

0 comentários

Comentários encerrados em 02/07/2013.
A seção de comentários de cada texto é encerrada 7 dias após a data da sua publicação.