Consultor Jurídico

Notícias

Você leu 1 de 5 notícias liberadas no mês.
Faça seu CADASTRO GRATUITO e tenha acesso ilimitado.

Imagem positiva

"Judiciário é tão corrupto quanto outros poderes"

Pesquisas de opinião feitas após as manifestações que aconteceram no país em junho mostram que entre os três poderes, a população confia mais no Poder Judiciário. De acordo com pesquisa feita em julho, a confiança no Judiciário era de 50%, enquanto no Legislativo é de 25%.

Em entrevista ao jornal O Estado de S. Paulo, o sociólogo Aldo Fornazieri, diretor da Escola de Sociologia e Política de São Paulo, alerta, porém, que a situação é meramente circunstancial. "O Judiciário é tão corrupto e ineficiente quanto o Legislativo e o Executivo", diz ele.

Para Fornazieri, um dos principais motivos para esta imagem positiva momentânea é o julgamento do mensalão. Outro fato considerado por Fornazieri é o destaque da mídia. Para ele, os escândalos do Judiciário não recebem tanto destaque quanto os dos outros poderes.

Leia abaixo os principais trechos da entrevista:

A que atribui a ausência de ataques ao Judiciário nas manifestações de junho?
No momento dos protestos, o Judiciário, especialmente o Supremo Tribunal Federal, estava com um superávit de imagem positiva. Ainda havia um recall positivo em torno do julgamento do mensalão, o que tornava esse poder, naquele momento, a instituição de maior credibilidade.

Por que frisou 'naquele momento'?
Porque o Judiciário é tão corrupto quanto os outros dois poderes, o Legislativo e o Executivo. Recorrentemente surgem denúncias e escândalos nesta área. Envolvem muitas vezes a compra e a venda de sentenças. Se pegar o caso específico do Tribunal de Justiça de São Paulo verá que está envolvido com denúncias fortes, divulgadas na semana passada, sobre o pagamento de benesses indevidas, com o desvio de milhões de reais. Por outro lado, as tentativas de fiscalização do Conselho Nacional de Justiça enfrentaram forte resistência em São Paulo. Não há, portanto, a menor dúvida de que o Judiciário se equipara aos demais poderes em termos de corrupção.

Existiria algum outro motivo, além do mensalão, para o Judiciário ter sido poupado nos protestos?
Eu citaria mais duas razões. A primeira é que os escândalos do Judiciário não têm tanto destaque na mídia quanto os do Legislativo e do Executivo. Eles aparecem menos. A segunda é que o cidadão, de maneira geral, tem uma relação mais direta com o Legislativo e o Executivo — até porque é ele, cidadão, quem elege os representantes nesses poderes. No Judiciário, com exceção dos ministros do Supremo, as figuras são menos conhecidas. Se você citar os nomes dos juízes do Tribunal de Justiça de São Paulo, pouquíssimas pessoas vão identificá-los. A relação entre o Judiciário e os cidadãos, portanto, é mais difusa, o que atenua a fiscalização sobre esse poder.

Há menos percepção na sociedade sobre as falhas do Judiciário?
Sim. Além de tão corrupto quanto os outros poderes, o Judiciário é extremamente deficiente. Quanto demora o julgamento de um caso na Justiça? Pode demorar décadas. Já foram feitas tentativas, nos últimos quinze anos, de reforma dessa estrutura, mas os problemas continuam. O déficit de eficiência permanece.

O senhor inclui o Supremo nessa análise sobre deficiências?
Como já disse, o Supremo atravessou os protestos com a imagem razoavelmente boa, em função do mensalão. Logo em seguida, porém, começaram a surgir denúncias sobre uso indevido de equipamentos públicos por parte do próprio Joaquim Barbosa e de outros ministros. Nesse caso também a mídia não deu muita ênfase.

Revista Consultor Jurídico, 29 de julho de 2013, 13h32

Comentários de leitores

20 comentários

Corrupção e corporativismo dr.

claudenir (Outros)

Não sei qual o estado em q o sr. Atua, mas aqui em são paulo tanto a 1ª instancia como a 2 ª instancia, é um atrelado nos outro, tanto que o meu processo esta para ir para o stj dr.

Corrupção e corporativismo dr.

claudenir (Outros)

Dr. Daniel andré.
Se o sr. For realmente honesto, e julga pela justiça não pela, parabéns. Mas o sr. Sabe muito bem que o povão não confia no judiciário, senão vejamos meu caso:
o juiz me condena sem eu ter um advogado legalmente habilitado, sem ter sido citado para a audieência e para piorar pagar uma pensão de quase o dobro do meu salário.
Então depois de 2 anos e quatro meses , recebo uma execução de alimentos sem saber da minha 1ª condenação.
Do processo originário.
Então sou obrigado a pagar uma pensão de de dois salários minimos, na época equivalente a 520,00 reais dr., eu recebia apenas 495,00 reais por mes dr.
Então foi ai dr. Q começou minha revolta contra esse judiciário safado , semvergonha, corrupto e corporativista.
Fui preso 3 vezes dr., nas duas 1ª vezes minha mae e minha esposa pagaram 4 mil e trezentosz reais para eu sair da cadeia, na 3ª vez eu disse para não pagar mas nada fiquei 30 dias na cadeia dr.
Agora veja bem como começou essa palhaça dr. O juiz havia extinto o processo de execução por que foram criadas duas varas da familia no fórum de são vicente, então o advogado da outra parte entrou com o mesmo processo na vara da familia.
Só dr. Que eu fui preso pelo processo que o juiz havia extinto com julgamento do merito dr.
Passei 17 dias na cadeia, o advogado da empreza onde trabalho entrou no caso então o juiz deu o alvará sem eu ter q pagar um centavo dos mais de 40 mil reais que a outra parte queria no processos da 1ª vara civil dr.
Mas eu nem cheguei a sair da cadeia por que já tinha o processo da 2 ª vara da familia dr. Com mais 40 mil para mil pagar dr.
Agora gostaria q o sr. Me respondesse como se chama isso dr. No mundo juridico.
Entrei com o processo de exoneração de alimentos, o juiz negou dr.

Corrupção e corporativismo dr.

claudenir (Outros)

Dr. Daniel andré.
Se o sr. For realmente honesto, e julga pela justiça não pela, parabéns. Mas o sr. Sabe muito bem que o povão não confia no judiciário, senão vejamos meu caso:
o juiz me condena sem eu ter um advogado legalmente habilitado, sem ter sido citado para a audieência e para piorar pagar uma pensão de quase o dobro do meu salário.
Então depois de 2 anos e quatro meses , recebo uma execução de alimentos sem saber da minha 1ª condenação.
Do processo originário.
Então sou obrigado a pagar uma pensão de de dois salários minimos, na época equivalente a 520,00 reais dr., eu recebia apenas 495,00 reais por mes dr.
Então foi ai dr. Q começou minha revolta contra esse judiciário safado , semvergonha, corrupto e corporativista.
Fui preso 3 vezes dr., nas duas 1ª vezes minha mae e minha esposa pagaram 4 mil e trezentosz reais para eu sair da cadeia, na 3ª vez eu disse para não pagar mas nada fiquei 30 dias na cadeia dr.
Agora veja bem como começou essa palhaça dr. O juiz havia extinto o processo de execução por que foram criadas duas varas da familia no fórum de são vicente, então o advogado da outra parte entrou com o mesmo processo na vara da familia.
Só dr. Que eu fui preso pelo processo que o juiz havia extinto com julgamento do merito dr.
Passei 17 dias na cadeia, o advogado da empreza onde trabalho entrou no caso então o juiz deu o alvará sem eu ter q pagar um centavo dos mais de 40 mil reais que a outra parte queria no processos da 1ª vara civil dr.
Mas eu nem cheguei a sair da cadeia por que já tinha o processo da 2 ª vara da familia dr. Com mais 40 mil para mil pagar dr.
Agora gostaria q o sr. Me respondesse como se chama isso dr. No mundo juridico.
Entrei com o processo de exoneração de alimentos, o juiz negou dr.

Ver todos comentários

Comentários encerrados em 06/08/2013.
A seção de comentários de cada texto é encerrada 7 dias após a data da sua publicação.