Consultor Jurídico

Mudanças no plantão

Corregedoria da Polícia Civil de SP ganha poder de ação

Um decreto do governador de São Paulo, Geraldo Alckmin, publicado nesta terça-feira (23/7) no Diário Oficial do Estado, aumenta o poder de ação da Corregedoria Geral da Polícia Civil. Responsável por investigar faltas funcionais e crimes cometidos por policiais civis, o órgão será reforçado durante os plantões. A partir de agora, as cinco delegacias da Divisão de Crimes Funcionais da Corregedoria assumirão a função, que até hoje ficava a cargo da Divisão de Operações Policiais.

Cada delegacia será responsável pelo plantão e as equipes serão compostas por 10 policiais. Segundo o corregedor-geral da Polícia Civil, Nestor Sampaio Penteado Filho, uma das grandes vantagens deste modelo é que a investigação ficará a cargo de quem fez a ocorrência, priorizando o atendimento à população e a uniformização das providências necessárias para a solução dos casos.

O decreto prevê também a criação do Serviço Técnico de Análise de Perfis Criminais e Transgressores, ferramenta de inteligência que reunirá informações sobre os policiais que cometem crimes ou faltas funcionais. Para o corregedor-geral, isso permitirá a identificação do perfil padrão dos transgressores e pode facilitar a prevenção de problemas. Com informações da Assessoria de Imprensa da Secretaria de Segurança Pública de São Paulo.




Topo da página

Revista Consultor Jurídico, 23 de julho de 2013, 21h38

Comentários de leitores

0 comentários

Comentários encerrados em 31/07/2013.
A seção de comentários de cada texto é encerrada 7 dias após a data da sua publicação.