Consultor Jurídico

Notícias

Você leu 1 de 5 notícias liberadas no mês.
Faça seu CADASTRO GRATUITO e tenha acesso ilimitado.

Full service

Dias Carneiro cresce e cria áreas de reestruturação

Por 

O número de advogados do escritório Dias Carneiro passou de 46 para 64 em um dia. A banca vai mudar de nome, passando a chamar Dias Carneiro, Flores, Sanches e Thomaz Bastos Advogados, para agregar o nome de um dos cinco novos sócios, que trouxeram a nova leva de advogados, todos saídos do Felsberg Advogados.

O aumento de 40% na equipe do escritório servirá para a implantação da área de reestruturação empresarial e para a troca da equipe do departamento tributário na banca full service. Os novos sócios Joel Thomaz Bastos e Bruno Kurzweil de Oliveira deverão implantar e coordenar a área de reestruturação.

O também recém-chegado sócio Antonio Amendola vai liderar o departamento tributário e aduaneiro. A equipe de Amendola substituirá o atual time, coordenado por Cristiano Ruschman e José Luiz Brazuna, que deixarão a banca nas próximas semanas.

Outras duas áreas estratégicas serão inauguradas: contratos comerciais e propriedade intelectual. Eduardo Turkienicz chega à banca para liderar ambas e reforçar a equipe corporativa e de fusões e aquisições (M&A). A parte de contratos terá ênfase em franquias, distribuição, licenciamento e tecnologia.

O também novo sócio André Ribeiro, por sua vez, coordenará a área trabalhista.

“A entrada das novas equipes permitirá ganho de eficiência e visibilidade para a banca”, afirma Henrique Dias Carneiro, sócio-fundador. Ele explica que o escritório tem hoje cinco grandes áreas de atuação — Financeiro, Tributário/Fiscal, Infraestrutura, Societário e Trabalhista — e a expansão reforça seu projeto de “crescimento sustentável” nos próximos anos.

A sustentabilidade do crescimento é um dos motivos apontados por Thomas Felsberg ao afirmar que não pretende preencher todas as vagas deixadas com a saída das equipes que foram para o Dias Carneiro e para o Mannrich, Senra e Vasconcelos Advogados. Segundo o fundador do escritório, a banca se tornou grande demais, dificultando o controle direto sobre advogados e aumentando a incidência de conflitos até mesmo entre clientes. Listado na revista Análise Advocacia 500 com 200 advogados, o Felsberg pretende reduzir a equipe para menos de 100.

 é chefe de redação da revista Consultor Jurídico.

Revista Consultor Jurídico, 16 de julho de 2013, 10h20

Comentários de leitores

0 comentários

Comentários encerrados em 24/07/2013.
A seção de comentários de cada texto é encerrada 7 dias após a data da sua publicação.