Consultor Jurídico

Artigos

Você leu 1 de 5 notícias liberadas no mês.
Faça seu CADASTRO GRATUITO e tenha acesso ilimitado.

História da advocacia

Sete décadas de dedicação à advocacia

Por 

[Artigo originalmente publicado na edição desta quarta-feira (30/1) do jornal Folha de S.Paulo]

O dia 30 de janeiro de 2013 tem um significado especial para a advocacia. Nesta data, a Associação dos Advogados de São Paulo (Aasp) completa 70 anos de existência.

Fundada por um valoroso grupo de advogados, liderado por Walfrido Prado Guimarães, seu primeiro presidente, a Aasp dedica-se, desde 1943, a defender, com firmeza e independência, as prerrogativas de seus associados e da advocacia em geral, bem como a prestar serviços que facilitam sobremaneira o exercício da profissão.

Ao longo de sua história, a entidade foi presidida por expoentes e contou com a colaboração de destacados profissionais, dos mais variados ramos do direito, que, graciosamente, dedicaram seu tempo e talento à causa da advocacia.

Atualmente, com cerca de 92 mil associados espalhados por todos os Estados do país e o Distrito Federal, a Aasp é uma das maiores e mais respeitadas entidades de advogados do mundo e tornou-se sinônimo de excelência no meio jurídico.

Para celebrar essas sete décadas de conquistas e realizações, a associação promoverá neste ano o primeiro Festival Literário Internacional de São Paulo, que contará com a participação de renomados autores brasileiros e estrangeiros, inaugurando, assim, mais um importante foco de difusão de cultura na cidade de São Paulo.

De outro lado, ciente de que um passado glorioso não a dispensa da tarefa de continuar a auxiliar os associados a superar as dificuldades trazidas pelas constantes evoluções tecnológicas, a entidade adotará uma série de medidas, com a finalidade de criar condições para que os advogados possam adaptar-se com tranquilidade e segurança ao chamado processo eletrônico.

Sua implantação definitiva no Fórum Cível Central de São Paulo (maior Fórum da América Latina), no que concerne às novas ações a ser distribuídas, se dará no próximo dia 1º de fevereiro. A associação oferecerá treinamento, assistência e apoio técnico a todos aqueles que ainda não se sentem confortáveis com essa nova forma de trabalhar.

Além disso, a Aasp continuará a combater, com veemência, iniciativas que acredita serem prejudiciais não apenas à classe dos advogados, mas a todos os cidadãos, como a redução do horário de atendimento nos Fóruns do Estado ou a imposição de restrições ao exercício do direito à ampla defesa, como o entendimento recentemente adotado pelo Supremo Tribunal Federal de não admitir a impetração de pedidos de habeas corpus que tenham como objetivo substituir o recurso ordinário constitucional.

Pode parecer tentador, por exemplo, limitar o uso do "remédio heroico", quando se tem em mente algum caso específico e de grande repercussão, em que um mero investigado é retratado como alguém que já foi julgado e condenado, mas é preciso lembrar que a regra vale para todos -e qualquer um pode se ver, eventualmente, submetido a um constrangimento ilegal.

Enfim, é esse o compromisso da Associação dos Advogados de São Paulo, ao celebrar seus 70 anos: continuar trabalhando, diuturnamente, em prol de seus associados, da advocacia em geral e, por conseguinte, de toda a sociedade.

 presidente da Associação dos Advogados de São Paulo (Aasp)

Revista Consultor Jurídico, 30 de janeiro de 2013, 13h55

Comentários de leitores

4 comentários

Parabéns à AASP

Orlando Maluf (Advogado Sócio de Escritório)

A Associação dos Advogados de São Paulo é entidade exemplar de quem todos os advogados paulistas devem se orgulhar. Ícone da militancia nos foros e delegacias, tribunais e repartições diversas onde se opera a Justiça, a AASP tornou-se indispensavel referencia a todos os operadores de direito preocupados com a cidadania neste país.
Desejamos que ela continue seu glorioso caminho, cumprimentando a todos os que a ajudaram a crescer e permanecer com o destaque que merece.

Muito a comemorar

PAULO FRANCIS (Advogado Sócio de Escritório - Civil)

a AASP é uma das entidades importantes da advocacia enquanto prestadora de eficientes servços.
De lá saíram vários presidentes da OAB-SP.
Valorizar a advocacia depende da atuação e luta de cada advogado.
Quando íntegro e respeitável dele emana uma "autoridade moral" a quem todos respeitam.
Somos nos que devemos valorizar a advocacia.
Parabéns AASP de Theotonio Negrão e de tantos outros.

prestígio

Prætor (Outros)

Exagero! A advocacia é uma das mais prestigiadas e bem remuneradas profissões no Brasil. É expressamente mencionada na Constituição Federal (fato ímpar no mundo) e seu Conselho Federal tem uma série de prerrogativas como a legitimidade para o ajuizamento de ADIn. Além disto, a OAB se autogoverna de forma que está no melhor dos mundos: tem prerrogativas típicas de Estado e a liberdade típica da iniciativa privada.

Ver todos comentários

Comentários encerrados em 07/02/2013.
A seção de comentários de cada texto é encerrada 7 dias após a data da sua publicação.