Consultor Jurídico

Notícias

Você leu 1 de 5 notícias liberadas no mês.
Faça seu CADASTRO GRATUITO e tenha acesso ilimitado.

Risco de contaminação

Novo prédio de Fórum é reaberto após invasão de ratos

O novo prédio do Fórum de Campo Grande no Rio de Janeiro foi interditado por causa de uma infestação de ratos. O local foi reaberto, nesta quarta-feira (23/1), após ficar fechado por seis dias para limpeza. O prédio foi inaugurado no dia 18 de dezembro. As informações são do site de notícias R7.

Por conta da interdição, quatro varas de Família e uma Cível ficaram sem funcionar. Os processos das outras varas da comarca tramitaram normalmente no antigo prédio, já que a transferência de todas as varas para o prédio recém-inaugurado ainda não foi concluída.

A juíza Ana Luíza Menezes de Abreu, titular da 2ª Vara de Família, afirmou que não poderia assegurar a integridade da saúde de todos os funcionários que manuseiam os processos.

Segundo uma funcionária, uma audiência chegou a ser paralisada após um rato invadir a sala. Ela ainda afirmou que a direção da OAB enviou e-mails alertando os advogados a trabalharem no local com luvas, evitando a contaminação. “A preocupação era que algum funcionário ficasse doente. Já encontramos até urina e fezes dentro dos processos, além de papéis roídos.”

A ordem para interdição e limpeza do prédio foi dada pelo próprio presidente do Tribunal de Justiça do Rio, Manoel Alberto Rebêlo dos Santos. O Sindicato dos Servidores do Poder Judiciário marcou reunião e vistoria para esta quarta-feira. Segundo José Carlos Arruda, um dos diretores do sindicato, caso o prédio não esteja em perfeitas condições será solicitada uma nova interdição.

Revista Consultor Jurídico, 24 de janeiro de 2013, 14h52

Comentários de leitores

0 comentários

Comentários encerrados em 01/02/2013.
A seção de comentários de cada texto é encerrada 7 dias após a data da sua publicação.