Consultor Jurídico

Notícias

Você leu 1 de 5 notícias liberadas no mês.
Faça seu CADASTRO GRATUITO e tenha acesso ilimitado.

Ações de paternidade

TJ-RJ determinou 7 mil exames de DNA em 2012

O número de exames de DNA determinados judicialmente no Rio de Janeiro aumentou 23,42% em 2012, em relação ao ano anterior. Os dados são do Departamento de Instrução Processual, da Diretoria Geral de Apoio aos Órgãos Jurisdicionais do Tribunal de Justiça do Rio. Em 2012, o DEINP registrou 6.977 exames de DNA para reconhecimento de paternidade. Ano passado, foram computados 5.653 exames.

A capital é a região que concentra o maior número de agendamentos. Foram 2.199. Em segundo lugar, aparece o 4º Núcleo Regional (São João de Meriti), com 1.688 exames. A região de Vassouras (7º NUR) foi a que registrou a menor quantidade: 80 agendamentos.

Para 2013, o DEINP traçou algumas metas a serem cumpridas, com o objetivo de dinamizar o agendamento e os exames de DNA. A primeira é fazer testes mensais nas duas principais regiões do estado (capital e São João de Meriti). O departamento também quer que os demais núcleos regionais façam, pelo menos, agendamentos em quatro meses por ano. Por fim, o intervalo entre as convocações e os exames terá, no mínimo, três meses. Com informações da Assessoria de Imprensa do TJ-RJ.

Revista Consultor Jurídico, 6 de janeiro de 2013, 9h31

Comentários de leitores

0 comentários

Comentários encerrados em 14/01/2013.
A seção de comentários de cada texto é encerrada 7 dias após a data da sua publicação.