Consultor Jurídico

Notícias

Você leu 1 de 5 notícias liberadas no mês.
Faça seu CADASTRO GRATUITO e tenha acesso ilimitado.

Chefe do MPF

Rodrigo Janot lidera lista tríplice para sucessão na PGR

A Associação Nacional dos Procuradores da República divulgou na noite desta quarta-feira (17/4) uma lista tríplice com os nomes mais votados pela categoria para a vaga de procurador-geral da República. A lista é formada pelos subprocuradores-gerais Rodrigo Janot, que teve 511 votos, Ela Wiecko, com 457, e Deborah Duprat, com 445 votos. Foi eliminada da disputa a subprocuradora Sandra Cureau, que recebeu 271 votos.

O cargo de procurador ficará vago em julho, com a saída de Roberto Gurgel. A escolha é de livre nomeação da Presidência da República. Desde o governo Luiz Inácio Lula da Silva, adotou-se a lista tríplice com os mais votados pelos profissionais da categoria. Pela tradição, o primeiro colocado tem sido nomeado para o cargo.

Rodrigo Janot, de 56 anos, é mineiro e ingressou no Ministério Público Federal (MPF) em 1984, chegando ao cargo de subprocurador em 2003. Foi presidente da associação dos procuradores entre 1995 e 1997, cargo ocupado por Roberto Gurgel entre 1987 e 1989. Integrou a última lista tríplice, de 2011.

A paranaense Ela Wiecko tem 64 anos e está no MPF desde 1975. Foi promovida a subprocuradora em 1992, e tem forte atuação na área de direitos humanos. Também integrou a última lista tríplice.

A carioca Deborah Duprat, 53 anos, atua no MPF desde 1987 e chegou ao cargo de subprocuradora em 2003. É vice-procuradora-geral desde 2009, substituindo Roberto Gurgel nas sessões do Supremo Tribunal Federal. É conhecida por seu trabalho na área de direito indígena. Com informações da Agência Brasil.

Revista Consultor Jurídico, 17 de abril de 2013, 22h17

Comentários de leitores

1 comentário

Dra. Ela Wiecko.

Vinicius Setti (Outros)

Interessante mencionar que a Dra. Ela Wiecko, subprocuradora-geral da República, ocupa o quarto lugar na lista de antiguidade, ocupou mais de cinco vezes a lista tríplice; Doutora em Direito, Docente na UnB; está há quase quarenta anos no MP; integrou comissões examinadoras de concursos para Procurador da República; foi Procuradora Federal dos Direitos do Cidadão; Membro do CSMPF; indicada às vagas de ministro do STJ e STF; Presidente da ANPR; Corregedora-Geral; e, atualmente Ouvidora-geral do MPF. A escolha da Presidente Dilma, pelo nome da Dra. Ela Wiecko, não é uma forma somente d e prestigiar a listra tríplice, mas também de prestigiar as mulheres brasileiras.

Comentários encerrados em 25/04/2013.
A seção de comentários de cada texto é encerrada 7 dias após a data da sua publicação.