Consultor Jurídico

Notícias

Você leu 1 de 5 notícias liberadas no mês.
Faça seu CADASTRO GRATUITO e tenha acesso ilimitado.

Massacre em presídio

Mal-estar de jurado atrasa julgamento do Carandiru

O julgamento de 26 policiais militares acusados pela morte de detentos no massacre do Carandiru será retomado nesta quinta-feira (18/4), a partir das 9h, segundo o juiz José Augusto Nardy Marzagão. O procedimento foi suspenso nesta quarta-feira (17/4) após um dos sete jurados passar mal.

O juiz relatou que, antes do início da sessão desta quarta, percebeu que um jurado não estava se sentindo bem. "Diante disso, como já havia ocorrido em outra sessão, por precaução solicitei a equipe médica, que compareceu imediatamente e que recomendou que ele fosse até o ambulatório”, afirmou.

Marzagão disse que foi informado pelos médicos que o jurado “teve um mal-estar”, de origem e sintomas não informados, e que precisaria de repouso. Por isso, o juiz decidiu suspender os trabalhos até que o jurado possa voltar a participar do julgamento.

O juiz explicou também que se o problema fosse mais grave e o jurado tivesse de se ausentar, todo o trabalho feito até agora teria de ser cancelado e o julgamento seria remarcado para uma nova etapa — com um novo sorteio de jurados e a necessidade de repetição dos depoimentos já tomados.

O jurado será reavaliado pelos médicos nesta quinta, antes do reinício da sessão. A previsão de Marzagão é que, caso os trabalhos sejam retomados no prazo, o julgamento termine na próxima sexta-feira.

O julgamento dos policiais envolvidos no massacre do Carandiru deveria ter começado em 8 de abril, mas foi suspenso pelo mesmo motivo: uma jurada passou mal. Os trabalhos foram adiados por uma semana e retomados na segunda-feira (15/4). Com informações da Agência Brasil e da Assessoria de Imprensa do TJ-SP.

Revista Consultor Jurídico, 17 de abril de 2013, 20h53

Comentários de leitores

0 comentários

Comentários encerrados em 25/04/2013.
A seção de comentários de cada texto é encerrada 7 dias após a data da sua publicação.