Consultor Jurídico

Notícias

Aguardando julgamento

Quase 100 ações questionam poder de investigação do MP

Comentários de leitores

10 comentários

Vergonha

preocupante (Delegado de Polícia Estadual)

O Estado brasileiro e sua população vivem à míngua de instituições e autoridades sérias e corajosas à sua defesa.
Os exemplos são os mais diversos, mas cabe aqui apontar o tema em questão: PODER DE INVESTIGAÇÃO CRIMINAL PELO MP.
Em qual país do mundo minimamente democrático se admitiria uma instituição como a suprema corte ( PARA NÓS STF) intuir que, à luz da CRFB promulgada em 1988, há poder, competência ou atribuição ao órgão Ministério Público para investigar crimes, se isso não existe no texto constitucional sequer de forma implícita, que dirá explícita?
Na minha humilde opinião é o mesmo que rasgar a Carta magna, o que alías, já se fez em várias outras decisões sobre temas públicos, notórios e complexos, como o casamento entre pessoas do mesmo sexo.
Dá para acreditar num órgão que em vez disso deveria cumprir a Constituição a qualquer custo?
Por sinal, o próprio MP sabe disso, visto que uma de suas funções institutucionais "seria" defender a ordem jurídica, mas a contrário sensu, infelismente, contraria a norma invadindo a atribuição da Polícia Judiciária apenas por causa de interesses corporativistas na busca incansável e insaciável por mais poder, denotando que seu objetivo maior é o 'poder supremo'.
É de conhecimento dos menos incautos que só quem almeja o PODER SUPREMO é quem tem vocação pela DITADURA, por isso mesmo tem aversão a tudo que lembrar DEMOCRACIA.

a fina ironia

Ricardo (Outros)

Caro NS, o sr. e que nao entendeu o que eu quis dizer, nem respondeu o que perguntei. Tenha um ótimo dia de trabalho.

Caro Ricardo

Bellbird (Funcionário público)

Vc está tão bitolado que não lê o que escrevo ou está com dificuldade de entender. Vou acreditar que não está usando óculos. Disse que EU sou plantonista.
Sem mágoas.

Haja preocupação

Juarez Araujo Pavão (Delegado de Polícia Federal)

Os larápios do erário público estão preocupados com o Ministério Público, querem amordaçá-lo de qualquer forma. Estão com saudade do período que antecedeu a revolução de 64. O problema é que naquela época nos tínhamos militares com estrutura para por ordem no País, atualmente, as forças armadas estão desmontadas, exatamente, para facilitar a ação da ladroagem. Vamos ao fundo do poço, que pena!

Errata

Ricardo (Outros)

concursado

esta enganado

Ricardo (Outros)

Eu nao sou funcionario publico, muito menos plantonista. Agora diz ai: vc e lotado no gabinete do Renan ou do Demostenes? E concussão ou ocupa cargo confiança? Além de escrever em blog o dia todo vc faz mais o que?

Meu caro Richard

Bellbird (Funcionário público)

Estou com medo de vc fazer igual ao juiz de Limeira que proibiu um advogado de acessar redes sociais. Daqui a pouco vai me proibir de comentar no Conjur.
Mas vou te falar uma coisa. Eu sou plantonista.
Aproveitando, o horário em que vc me criticou também está dentro do horário de expediente.

Meu caro Richard

Bellbird (Funcionário público)

Estou com medo de vc fazer igual ao juiz de Limeira que proibiu um advogado de acessar redes sociais. Daqui a pouco vai me proibir de comentar no Conjur.
Mas vou te falar uma coisa. Eu sou plantonista.
Aproveitando, o horário em que vc me criticou também está dentro do horário de expediente.

ao sr. NS

Ricardo (Outros)

Sr. NS, a sua posição anti-MP é conhecida por todos. o sr. não mede esforços para menosprezar a atividade ministerial. ocorre que os seus comentários (inúmeros) são feitos em horário normal de expediente. cabe daí a seguinte indagação: tá faltando serviço aí no Senado Federal? em que gabinete o sr. está lotado? esquece um pouco o assunto e vai trabalhar, pois a população que paga o seu salário não espera de um servidor que passe a tarde toda na frente do computador tecendo críticas e comentários a instituições e órgãos públicos.

12 razões para o MP investigar

Bellbird (Funcionário público)

1- No MP não tem corruptos;
2- O MP não precisa de PMs
3-Na Inglaterra o MP investiga;
4-Só membros do MP têm curso de bacharel em direito;
5-Os membros do MP não precisam da policia judiciária;
6-Está expressamente disposto na CF/88 que o MP pode investigar, mais precisamente no artigo, ah, deixa prá lá, mas com certeza está expresso;
7-A polícia foi o braço armado do estado, em especial na ditadura. O MP não participou e não ameaçou juízes na ditadura;
8- O MP sabe investigar e não utiliza das investigações alheias para auto promoção como no caso da investigação feita por delegados de Pernambuco que foi abocanhada pelo MP;
9- O procurador geral da república ofereceu denuncia contra o Demóstenes e contra o Renan Calheiros logo que o inquérito chegou às suas mãos;
10- O MP está sempre à disposição das pessoas, 24 horas por dia e não é preciso passar pela telefonista, depois pelo atendente, depois pelo técnico, depois pelo analista, depois pelo assessor para conseguir falar com o promotor, isso quando você não ouve que o promotor está em diligência.
11- O MP aceita dividir a atribuição exclusiva para instauração do inquérito civil;
12- O MP aceita que a Defensoria Pública possa ajuizar ação civil pública, afinal, quanto mais gente defendendo a sociedade, melhor.

Comentar

Comentários encerrados em 23/04/2013.
A seção de comentários de cada texto é encerrada 7 dias após a data da sua publicação.