Consultor Jurídico

Notícias

Você leu 1 de 5 notícias liberadas no mês.
Faça seu CADASTRO GRATUITO e tenha acesso ilimitado.

Costura de Maluf

Convite a D’Urso partiu do presidente estadual do PT

Por 

O convite para que o presidente licenciado da seccional paulista da Ordem dos Advogados do Brasil, Luiz Flávio Borges D’Urso (PTB), concorresse à prefeitura de São Paulo como candidato a vice-prefeito na chapa de Fernando Haddad foi feito pela direção estadual do PT paulista. O presidente estadual do PT, Edinho Silva, fez a oferta ao presidente estadual do PTB, Campos Machado.

O convite foi costurado pelo ex-governador Paulo Maluf (PP), que declarou apoio à candidatura petista na última segunda-feira (18/6), em um encontro do qual participaram o candidato petista à Prefeitura paulista e o ex-presidente da República Luiz Inácio Lula da Silva. O apoio fez a deputada federal Luiza Erundina (PSB) deixar o posto de vice de Haddad.

Na manhã desta quarta-feira (20/6), Maluf ligou entusiasmado com o possível acordo para D’Urso e insistiu para que ele tente convencer Campos Machado a aceitar a oferta. O ex-governador paulista disse ao presidente licenciado da OAB-SP que a candidatura de Haddad “irá crescer muito” e que essa seria a melhor oferta já recebida pelo PTB.

O presidente do PT paulistano, vereador Antonio Donato, disse nesta quarta ao site Terra Magazine que “o convite, se existiu, não partiu nem do candidato nem da coordenação da campanha”. De acordo com o vereador, “se alguém fez alguma sondagem, foi meramente pessoal”.

De fato, o convite não partiu do candidato ou de Donato, coordenador da campanha de Haddad. Mas não foi mera sondagem. Foi um convite concreto, costurado por Paulo Maluf, cabo eleitoral de peso cooptado por Lula, o padrinho da campanha de Haddad.

D’Urso também recebeu convites de Gabriel Chalita (PMDB), Celso Russomano (PRB) e José Serra (PSDB). Os tucanos ofereceram ao PTB, além da vice-prefeitura, a Secretaria de Justiça. Mas o partido, por enquanto, ainda mantém a candidatura de D’Urso ao cargo de prefeito da cidade de São Paulo.

“Estou honrado”, disse Luiz Flávio Borges D’Urso à ConJur, nesta quarta-feira à tarde, sobre ter sido convidado “para ser vice de um candidato tão importante no processo eleitoral como o Haddad” — clique aqui para ler.

 é editor da revista Consultor Jurídico em Brasília.

Revista Consultor Jurídico, 20 de junho de 2012, 22h24

Comentários de leitores

4 comentários

De PeTralhas, honestidade e inteligência...

Richard Smith (Consultor)

.
Antiga piada dizia que Deus deu duas características marcantes a cada povo. Ao brasileiro deu três: inteligência, honestidade e ser PeTralha (piada é claro!). Alertado por um anjo de que dera três aos brasileiros, decretou: "Somente poderão ser usadas duas de cada vez!". Razão pela qual quem for PeTralha e honesto não é INTELIGENTE; quem for PeTralha e inteligente, não é HONESTO e quem for Honesto e Inteligente, jamais poderá ser PETRALHA!
.
O estoque de desculpas para certos procedimentos do tipo foi a zero neste último episódio! Até num site "chapa-branca" como o IG, de 500 comentários publicados, uns 480 foram de repúdio ao novo, hum, "Pacto da Costa Rica" (a rua, claro!).
.
PERDEU, PT! O POVO ACORDOU!

Quá, quá, quá, quá, quá!

Richard Smith (Consultor)

.
Quem aqui é que se lembra de antiga propaganda de TV, aonde um locutor em "off" ia fazendo uma série de elogios à performance conhecidissima de famoso produto e um simpático JUMENTO e marionete ia dizendo a cada vez "MENTIRA", "MENTIRA", "MENTIRA"?...
.
Aliás, se bem pergunto: é "Malulla" ou "Lulluf"?
.
QUÁ, QUÁ, QUÁ, QUÁ, QUÁ!

Mentira?

Brecailo (Advogado Autônomo - Consumidor)

Precisa verificar melhor suas fontes, pois, o convite existiu, o PTralha está mesmo desesperado pois, fez aliança com o Maluf e agora proxima-se do PTB. Ainda bem que o mensalão será julgado antes das eleições.

Ver todos comentários

Comentários encerrados em 28/06/2012.
A seção de comentários de cada texto é encerrada 7 dias após a data da sua publicação.