Consultor Jurídico

Comentários de leitores

4 comentários

O valor da sustentação oral

Roberto MP (Funcionário público)

A sustentação oral é um instrumento de extrema importância, podendo modificar em prol do orador e seu cliente. A respeito do assunto escrevi um texto que pode ser lido acessando: http://robertopimentel.blogspot.com.br/2011/11/o-valor-da-sustentacao-oral-inesperada.html

Mesmo que não me ouçam vou insistir

hugoflavio (Advogado Autônomo - Consumidor)

O que me preocupa não é o grito dos maus. É o silêncio dos bons.
Com técnica quem sabe de cada 10, 1 seja proveitoso

Psiu! Silêncio. Eles estão dormindo

Fernando José Gonçalves (Advogado Sócio de Escritório)

Texto muito bem elaborado, mas....na prática,extremamente questionável. Nunca vi juízes realmente interessados em fazer qualquer pergunta ao expositor,bem como nunca percebi sequer motivação dos Magistrados,quer pela causa em debate (cujos votos já estão prontos)e muito menos na atuação do advogado. Como dizia um professor meu já falecido: "Não subo à Tribuna para debater;para defender uma posição ou para influenciar algum Juiz.Magistrados não gostam de debate que não seja entre eles próprios; não alteram a sua posição,já consolidada antes da sessão,ainda que diante da plausibilidade dos argumentos,até para não demonstrarem insegurança e, finalmente,não se deixam influenciar por advogados,pelo mesmo motivo". Bom,então porque fazer isso? Lhe perguntavam.A resposta era a mesma de sempre: "Para satisfazer o cliente". E continuava: "O que está escrito nos autos será apreciado e decidido (quando há a leitura).O que não está escrito,ou foi mal escrito,deve ser reescrito e revisto antes do protocolo". No mais, sabe-se que a única mudança possível é por cordialidade e/ou amizade,quando o advogado é 'figuraça prestigiada' e frequentador assíduo dos gabinetes. A vida na lida me fez ver que ele tinha razão. Aos olhos do seu cliente você fez todo o possível para a melhor decisão.Se já era a coincidente com os votos adrede lançados,ótimo, lhe parecerá,aos seus olhos,que foi você que os fez julgar assim. Se não,você lutou até o fim;é um incansável batalhador e faz jus aos honorários, com louvor.

E alguém ouve?

Último Papa (Outros)

HC, só o relator lê (?).
Os demais julgam na base do "acompanho".
A mesma coisa acontece com os recursos.
A importantíssima sustentação oral é indispensável.
Quantas e quantas são as situações constrangedoras de juiz conversando e até dormindo durante a sustentação oral.
Em algumas vezes funciona.
Advogado tem que sustentar.

Comentar

Comentários encerrados em 19/06/2012.
A seção de comentários de cada texto é encerrada 7 dias após a data da sua publicação.