Consultor Jurídico

Notícias

Fim da espera

Acusados de matar deputada pegam quase 500 anos

Comentários de leitores

4 comentários

100MAUDADE

100MAUDADE (Outros)

SAbemos que os bandidos pouco ou nenhum tempo ficam na cadeia.O que eu vejo como o cúmulo do ridículo é quando a justiça manda um inocente para a cadeia e esse mofa lá dentro,quando sai torna-se uma pessoa revoltada e sem nenhuma confiança no que aqui nesse país chamam de justiça.Nesse país que amo mais que repudio tais leis que só os pobres é quem pagam mesmo quando não devem.Esse julgamento durou mais de 10 anos.Se fosse um pobre coitado,não teria durado 10 meses.

Condenados ?!?!

Paul Cesar Kasten (Advogado Autônomo - Civil)

Esses condenados a 500 anos, não vão ficar 5 na prisão. Isso é ridículo e serve como notícia para enganar o povo como um todo. Não vão ficar presos tanto tempo quanto deveriam. Não existe uma satisfação em contra partida ao crime praticado. Logo, logo estão na rua e logo, logo o cara vai ser candidato novamente (provavelmente eleito). Fico profundamente irritado quando se dá notícia semelhante............
Não tem nada de fim da espera. Há ainda apelação que vai durar um tanto .............
Não se fez justiça coisa alguma e ninguém pode afirmar que será feita. Não se esqueçam que um dos réus é político !!!
Talvez o mais certo é que receba eu uma ameaça de morte se o político souber que escrevi este comentário.
Paul Cesar Kasten

ACUSADOS PEGAM QUASE 500 ANOS

Milton Easton Simoes (Contabilista)

É uma falácia tamanha decisão quando um juiz,por força da lei,condena um acusado a mais de 100 anos por crimes praticados.Isso seria o equivalente a pena perpétua, não existente em nosso país. Já que não existe tal pena,pelo menos em casos hediondos fosse a pena máxima cumprida integralmente e não objeto de favores legais que levam o condenado em pouco tempo está livre.Não é necessário que tenhamos pena de morte,quando a família paga o preço da bala usada no fusilamento e nem aplicação de câmara de gas ou ingeção letal, mas que a pena imposta tenha seu cumprimento íntegral.

EXCLUÃO SOCIAL PASSAGEIRA

João Szabo (Advogado Autônomo)

Somente quem vive aqui no Brasil, nesta terra varonil, aquilata a fantasia desta notícia. Fala se em quinhentos anos de prisão, como se isto fosse sério. É público e notório, que nenhum deles cumprirá a pena a que foi condenado, por mínima que tenha sido. Logo estarão na rua, soltos, e livres para cometer outros crimes, sem serem importunados. Ou sairão por fuga, o que é normal, ou pela porta da frente, pela corrupção, tendo acesso às chaves do presídio, ou a justiça lhes dará “por bom comportamento” a saída de Natal para visitar seus familiares, e nunca mais voltarão, ou até, a liberdade judicial, pois o sistema prisional nosso, que é uma falácia, os colocarão na rua. Gostaria que se a reportagem acreditasse tanto na seriedade do que foi julgado, que façam, dentro de alguns anos, talvez meses, uma reportagem para se averiguar quantos deles estarão presos, ainda. Para quem não conhece o Brasil, as nossas leis, e o nosso sistema carcerário, pensa até que 500 anos de prisão é uma informação séria.

Comentar

Comentários encerrados em 27/01/2012.
A seção de comentários de cada texto é encerrada 7 dias após a data da sua publicação.