Consultor Jurídico

Notícias

Você leu 1 de 5 notícias liberadas no mês.
Faça seu CADASTRO GRATUITO e tenha acesso ilimitado.

Para todos

Governo de SP anuncia cotas em universidades estaduais

O governo de São Paulo anunciou ontem o Programa de Inclusão com Mérito no Ensino Superior Público Paulista (Pimesp). A iniciativa garante 50% das matrículas de cada curso das universidades públicas do estado para alunos que cursaram integralmente o ensino médio em escolas públicas. As informações são do site Diário de São Paulo.

Também foi anunciada a criação de um fundo de bolsas para alunos com renda familiar inferior a R$ 1,5 mil, que receberão R$ 311 para suprir os custos de transporte e alimentação. Os contemplados serão avaliados mensalmente quanto à participação em atividades escolares. Sua implantação será gradativa. Em 2014, serão reservadas 35% das vagas. Em 2015, 43%. Os 50% serão alcançados em 2016. Os investimentos previstos são de R$27,017 milhões no primeiro ano, chegando a R$94,679 milhões em 2021.

As universidades que fazem parte do Pimesp são: Universidade de São Paulo (Usp), Universidade Estadual de São Paulo (Unesp), Universidade de Campinas (Unicamp), Faculdade de Medicina de Marília (Fanema), Faculdade de Medicina de São José do Rio Preto (Famerp), e as Faculdades de Tecnologia de São Paulo (Fatecs).

A solenidade que anunciou o programa de inclusão aconteceu no Palácio dos Bandeirantes, conduzida pelo governador Geraldo Alckmin, e teve a presença dos reitores da USP, Unicamp e Unesp. “As universidades já têm um programa de inclusão com várias ações afirmativas, mas nós queremos ter um programa mais abrangente e de estado, ou seja, para todos”, disse o governador.

Revista Consultor Jurídico, 21 de dezembro de 2012, 16h42

Comentários de leitores

1 comentário

Cotas = vergonha nacional...

Pek Cop (Outros)

Cotas é para os frouxos...

Comentários encerrados em 29/12/2012.
A seção de comentários de cada texto é encerrada 7 dias após a data da sua publicação.