Consultor Jurídico

Notícias

Você leu 1 de 5 notícias liberadas no mês.
Faça seu CADASTRO GRATUITO e tenha acesso ilimitado.

Satisfação ao CNJ

TJ-SP deve explicar sorteio de brindes para juízes

O corregedor nacional de Justiça, ministro Francisco Falcão, determinou a instauração de pedido de providências para apurar se julgadores paulistas receberam brindes patrocinados pela iniciativa privada em evento promovido pela Associação Paulista de Magistrados (Apamagis) no último dia 1º de dezembro.

Na decisão, assinada na quinta-feira (13/12), o ministro Francisco Falcão determinou a expedição de ofícios ao presidente do Tribunal de Justiça de São Paulo e ao corregedor-geral da Justiça do Estado para que prestem informações à Corregedoria Nacional quanto ao teor da notícia divulgada. O tribunal terá prazo de cinco dias, contados do recebimento dos ofícios, para enviar as explicações.

De acordo com notícia veiculada em blog na internet, houve o sorteio, durante jantar de confraternização da entidade, de diversos tipos de brindes doados por empresas privadas, como aparelhos de blu-ray, viagens nacionais e internacionais e um carro zero quilômetro. Com informações da Assessoria de Imprensa do CNJ.

Revista Consultor Jurídico, 14 de dezembro de 2012, 17h52

Comentários de leitores

14 comentários

ou titular de serventia extrajudicial

Ricardo (Outros)

dai a empáfia...

Ah, claro, como poderia me esquecer

Ricardo (Outros)

Deve ser procurador de alguma coisa que advoga...

Nao sei nem quero saber

Ricardo (Outros)

Efetivo: teto
Comissionado: teto
Amigo da corte: teto e algum conselho.
Parabéns.

Ver todos comentários

Comentários encerrados em 22/12/2012.
A seção de comentários de cada texto é encerrada 7 dias após a data da sua publicação.