Consultor Jurídico

Notícias

Você leu 1 de 5 notícias liberadas no mês.
Faça seu CADASTRO GRATUITO e tenha acesso ilimitado.

Convite para posse

Futuro corregedor do CNJ, Francisco Falcão visita TJ-SP

Na tarde desta segunda-feira (27/8), o ministro Francisco Cândido de Melo Falcão Neto, que toma posse na Corregedoria do Conselho Nacional de Justiça (CNJ), no próximo dia 6, em substituição à ministra Eliana Calmon, foi recebido no Tribunal de Justiça de São Paulo pelo Conselho Superior da Magistratura, desembargadores e juízes assessores da Presidência.

O encontro reuniu também os ministros do Superior Tribunal de Justiça Antonio Carlos Ferreira, Maria Thereza Rocha de Assis Moura, Massami Uyeda, Ricardo Villas Bôas Cueva, Sidnei Agostinho Beneti, todos de São Paulo, além de Antonio Herman de Vasconcellos e Benjamin, que nasceu na Paraíba e atuou no Ministério Público de São Paulo antes de se tornar ministro.

O presidente do TJ-SP, desembargador Ivan Sartori, agradeceu a visita, qualificando-a como um gesto de humildade da parte do ministro, e apresentou ao novo corregedor nacional do CNJ os integrantes do CSM e os juízes assessores da Presidência. Francisco Falcão disse entregava pessoalmente o convite de sua posse ao CSM paulista. Ele afirmou ver a nova função “como mais uma missão, com dedicação, observando os ensinamentos que recebi de meu pai Djaci Falcão [presidente do Supremo Tribunal Federal 1975/77]”. Ele ressaltou que pretende trabalhar com agenda positiva e realização de mutirões.

Também participaram do encontro, no gabinete da Presidência, o vice-presidente, desembargador José Gaspar Gonzaga Franceschini; o corregedor-geral da Justiça, desembargador José Renato Nalini; o presidente da Seção de Direito Público, desembargador Samuel Alves de Melo Júnior; o presidente da Seção de Direito Privado, desembargador Antonio José Silveira Paulilo; o presidente da Seção de Direito Criminal, desembargador Antonio Carlos Tristão Ribeiro; o decano, em exercício, desembargador Walter de Almeida Guilherme; o presidente da Associação dos Magistrados Brasileiros, desembargador Henrique Nelson Calandra; o diretor da Escola Paulista da Magistratura, desembargador Armando Sérgio Prado de Toledo; o presidente da Academia Paulista de Magistrados, desembargador Heraldo de Oliveira Silva; os desembargadores Wellington Maia da Rocha e Antonio Carlos Malheiros; os juízes assessores da Presidência Guilherme de Macedo Soares, Rodrigo Capez, João Baptista Galhardo Júnior, Fernão Borba Franco, Márcio Kammer de Lima, Marcelo Lopes Theodosio e Dimitrios Zarvos Varellis e o poeta Paulo Bomfim. Com informações da assessoria de imprensa do TJ-SP.

Revista Consultor Jurídico, 27 de agosto de 2012, 21h05

Comentários de leitores

0 comentários

Comentários encerrados em 04/09/2012.
A seção de comentários de cada texto é encerrada 7 dias após a data da sua publicação.