Consultor Jurídico

Notícias

Vitória da advocacia

CNJ libera carga rápida para advogados

Comentários de leitores

  • Página:
  • 1
  • 2
  • 3

46 comentários

Fazer o trabalho como obrigação

Macedo F. (Estudante de Direito - Comercial)

17 de Abril de 2012 - OAB pede que restabeleça a carga rápida (http://s.conjur.com.br/dl/nalini-oab-carga.pdf) e (http://www.conjur.com.br/2012-abr-17/oab-sp-revogacao-regra-impede-carga-rapida-processos)
Nalini pra cá, Nalini pra lá, mas finalmente a CNJ garantiu o direito do advogado consultar os autos.

Restabelecida de direito

Marcelo_drum (Estudante de Direito - Internet e Tecnologia)

A CNJ tem a obrigação de permitir a carga rápida a toda a classe pois é direito garantido.
A recusa baseada no argumento estapafúrdio de que haviam muitos extravios serve como máscara para esconder a ineficácia dos servidores nos Cartórios.

Que eficácia é esta?

Luiz C. Souza (Advogado Autônomo - Trabalhista)

Eficaz em Brasilia defendendo mensaleiro...? E com nosso dinheiro?

Ao Luiz C. Souza (Advogado Autônomo - Trabalhista)

Eduardo. Adv. (Advogado Autônomo)

Colega, eu escrevi que "Temos, somente neste espaço de exposição de ideias (...)".
Quis dizer que neste tópico, o tópico em que estamos trocando ideias. Tópico este em que, até o momento, não vi comentários dos demais candidatos. Os demais candidatos também são alternativas muito boas à situação. Enfim, todos os demais candidatos são boas alternativas para evitar a manutenção da inércia, do despreparo, do desapego à causa que a situação representa. Quem sejam Toron, Sayeg, Podval (excelente!), Chiavassa...
Sobre datas (ou melhor, números, dados) não há argumentos e, aí, o colega tem razão, porque mesmo depois do ofíciozinho da atual direção da OAB/SP, Toron foi eficaz. Já houve resposta ao último ofício da situação, protocolado após decisão do CNJ?

E pros mensaleiros nada?

Luiz C. Souza (Advogado Autônomo - Trabalhista)

Agora, pedir pra condenar os mensaleiros não né?
Que tal se a OAB, a AASP e os advogados brasileiros pedissem uníssonos a condenação dos mensaleiros...
E se os mensaleiros forem inocentados no STF, a derrota será nossa (povo brasileiro)... E a vitória de quem será?

Nada mais que a obrigação

Luiz C. Souza (Advogado Autônomo - Trabalhista)

Restabelecr a carga rápida é apenas obrigação. Coisa simples e pela qual todos lutamos.
..................................................
O mérito e os parabéns vão para todos os advogados paulistas, cujo direito foi restabelecido. O resto é querer fazer politicagem com nosso direito. Eu não aceito!

Somente dois candidatos?

Luiz C. Souza (Advogado Autônomo - Trabalhista)

Sr. Eduardo,
Somente dois candidatos?
Me parece que as propostas de Rosana Chiavassa já são melhores que estes que ai estão. Sem contar que Rosana não apoia a abertura de mercado para escritórios estrangeiros. Ou será que por ser mulher, ela não merece o devido crédito. Portanto eu creio que às proposituras de Rosana, Podval e Sayeg, neste momento valem tanto quanto os dois candidatos que vc citou.
E como datas são datas, continuo afirmando que em 17 de abril a OAB (e não o candidato) solicitou à CNJ que restabelecesse a carga rápida. Datas são datas, não podem ser invertidas nem modificadas por conveniências eleitoreiras.

Demonstrações concretas

Eduardo. Adv. (Advogado Autônomo)

Sr. Luiz C. Souza (Advogado Autônomo - Trabalhista),
Temos, somente neste espaço de exposição de ideias, a noção concreta sobre as realizações de dois dos pretendentes ao cargo de Presidente da OAB/SP.
De um lado, providências e efeitos concretos por parte de um candidato que, por acaso, é Alberto Zacharias Toron. Do outro, lado, simpatizantes da situação preocupados em defender o indefensável e, ainda, agredir de forma destemperada quem discorde da atual gestão. Somente com os termos/palavreados utilizados pelas "companhias da situação" já seria possível dizer EM QUEM NÃO votar, afinal o antigo ditado ("Diga-me com quem andas que te direi quem és!") tem bastante aplicação aqui também.
A cada dia fica mais claro que a situação não merece permanecer na direção da OAB/SP.

Pede pra ele parar o aquecimento global também

Luiz C. Souza (Advogado Autônomo - Trabalhista)

Eduardo Oliveira,
Então, já que o miraculoso Toron é quem consegue tudo, pede pra ele parar o aquecimento global. Pede também pra abrir o emrcado aos escritorios estrangeiros e para o Ministro Joaquim Barbosa condenar tods os 38 reus, mas inocentar o João Paulo Cunha Mensaleiro. Já que somente "ele" consegue tudo... É uma piada. Se "ele" for pra praia, leva um snorkel tá!

Ao Brecailo (Advogado Autônomo - Consumidor)

Eduardo. Adv. (Advogado Autônomo)

Sr. Brecailo,
Vamos supor que, efetivamente, as suas afirmações sejam verdadeiras. Vamos supor também que além de serem verdadeiras, elas tenham sido apuradas de forma isenta pelo TED. Vamos supor ainda, que o TED, agindo de forma técnica e imparcial, tome a sua decisão com embasamento legal. Vamos supor também que o senhor integre a direção ou órgãos da atual gestão da OAB/SP.
Agora, sem nada supor, posso afirmar que informações processuais de feitos do TED não contam, para dizer o menos, da publicidade que o Sr. propicia aos fatos neles contidos. Também, sem nada supor, porque é fato inequívoco o caixa da OAB/SP é formado por contribuições (ou acessórios decorrentes) feitas por nós, advogados ativos.
E se houver o ajuizamento de ação por parte da pessoa exposta por V. Sª e uma eventual com condenação da OAB/SP em razão dos fatos (cuja publicidade é bem restrita) mas foram amplamente divulgados pelo Sr., quem vai suporta o ônus da condenação?
Posso dizer que espero que os recursos da OAB/SP sejam bem geridos, e não destinados à compensar prejuízos provocados por ação indevida de integrantes de sua direção.
Qual a sua opinião sobre essa suposição quanto aos ônus de eventual condenação do órgão?

Ao Luiz C. Souza (Advogado Autônomo - Trabalhista)

Eduardo. Adv. (Advogado Autônomo)

Você quis dizer "muito antes do Toron"?
Mas foi somente com Toron que o órgão fiscalizador de TODO o PODER JUDICIÁRIO (CNJ) determinou que o TJ fizesse aquilo que desde abril não tem resultado. Se ocorreu a tal iniciativa, até hoje ela não surtiu efeito. Quem o TJ respeita, afinal? A atual gestão da OAB/SP ou a ordem do CNJ?

Nova forma de intimaçäo?

Brecailo (Advogado Autônomo - Consumidor)

Tem um acórdäo do TJSP que já postei, onde o tal foi representado de ofício por ser inepto. Também já postei três sentenças condenatórias do tal, onde em contrato de honorários foi pactuado quinze por cento e na hora de prestar contas, o tal cobra cinquenta por cento, de três pessoas analfabetas, portanto não precisa ser membro de comissão para verificar se o tal tem representaçäo junto ao TED, até a MÃE DINÁ acertaria isso. O tal acabou de confirmar que está sendo representado no TED, agora não sei dizer a quantidade. O tal representou alguns peritos em sua cidade, será que algum perito quer se manifestar em processos previdenciáros que ele atua? Será que a Sandra vai representar o colega das prerrogativas que sempre a defendeu? Feller eu te conheço? Pelo menos você sabe que näo sou tal e nem fake! Tudo que postei a respeito do, sem adjetivo, está no site do TJSP, CNJ, STJ e STF. O tal e a Sandra devem parar de andar com o Zorro!

É crime

rode (Outros)

Além de infração disciplinar, que não dá em nada na OAB, não restituir os autos é crime (CP, art. 356). Não vamos ensinar errado os novatos, como ocorreu na última prova da OAB, em que se disse que ofender o Juiz não é crime. Lamentável esse interesse dos advogados em imunidade total contra todos, como subjugação dos Magistrados.

Procedimento Ineficaz

JrC (Advogado Autônomo - Civil)

"A atual gestão da OAB SP vem atuando incansavelmente na defesa das prerrogativas profissionais dos advogados, especialmente quanto à retirada dos autos para obtenção de cópias, uma luta que começou em 2004. E a recente decisão do CNJ, em mandado de segurança impetrado por advogados, reconhece essa luta da advocacia por meio da OAB SP”
.
A recente decisão do CNJ reconhece essa luta da advocacia POR MEIO DA OAB SP?
.
A ÚNICA COISA CONCRETA que se tem e a decisão do CNJ. Não adianta protocolar ofício que não possui resposta alguma do Dr Nalini.

Saiu aqui no Conjur

Luiz C. Souza (Advogado Autônomo - Trabalhista)

17 de Abril de 2012 - OAB pede que restabeleça a carga rápida (http://s.conjur.com.br/dl/nalini-oab-carga.pdf) e (http://www.conjur.com.br/2012-abr-17/oab-sp-revogacao-regra-impede-carga-rapida-processos)
..........................
Acesse o link e leia... 17 de abril, muito antes de ...

Brecailo

Feller (Advogado Sócio de Escritório - Criminal)

Esse Brecailo muito provavelmente trata-se de Alessandro Brecailo, que trabalha na OAB/SP. Ou seja: não só a OAB/SP tem usado o seu mailing de advogados para divulgar absurdos, por meio de e-mails fakes, como ainda municia os seus asseclas de dados sigilosos de procedimentos disciplinares sobre advogados. Muito democrática!

Nova forma de intimação?

Marcos Alves Pintar (Advogado Autônomo - Previdenciária)

Pois é, prezado Eduardo.Oliveira (Advogado Associado a Escritório - Administrativa). Descobri agora que a OAB/SP parece ter mudado a forma de notificações e intimações aos advogados, passando a ser atribuição desse cidadão que se identifica como Brecailo (Advogado Autônomo - Consumidor) intimar os advogados sobre o andamento de supostos procedimentos disciplinares aqui na CONJUR. Vou entrar com mandado de segurança.

Os fatos não admitem argumentos.

Eduardo. Adv. (Advogado Autônomo)

Conforme a própria OAB/SP: "A OAB SP protocolou nesta quarta-feira (1/8), na Corregedoria Geral de Justiça, ofício solicitando o imediato restabelecimento da carga rápida em São Paulo, com a volta do Provimento 20/2011, que foi uma vitória da OAB SP, numa luta pela ampliação da carga rápida em todo o Estado."
Como admite a atual gestão da "nossa" OAB/SP, somente após decisão do CNJ é que se fez algo. Se havia sido feito antes, o resultado foi nulo. Somente agora, com decisão da cúpula do Poder Judiciário, é que a prerrogativa prevista no EAOAB é respeitada.

Disse Luiz Flavio Borges D´Urso

Luiz C. Souza (Advogado Autônomo - Trabalhista)

A Carga Rápida foi uma conquista da gestão D'Urso, numa luta que começou em 2004, coroada pelo Provimento 20 de 2011, da Corregedoria, revogado e agora restabelecido!
...............
2004 ... Há 8 anos atrás, e não em oportunistas de última hora

A vergonhosa carona da oab/sp nos ombros do toron!!!

Sandra Paulino (Advogado Autônomo)

No último sábado, recebi um e-mail de um “fake” identificado como kleber.pr48@hotmail.com trazendo falsa notícia da Coluna Sonia Racy, tecendo considerações depreciativas ao TORON, supostamente feitas por "Brecailo (Advogado Autônomo - Consumidor)", sempre segundo o tal “Kleber”, sob o título “O MIDIÁTICO TORON QUER FAZER DO PROCESSO DO MENSALÃO UM CIRCO”. O jornal O Estado de São Paulo e a coluna de Sonia Racy em 07/07/2012, NUNCA publicaram uma linha sequer parecida com o sofrível texto elaborado por essa escumalha. Respondi o e-mail informando sobre medidas de investigação que seriam tomadas e que já estão em andamento e soube que se trata de FUNCIONÁRIO DA OAB! Sim, funcionário PAGO PELOS COFRES DA CASA, escondido em covarde anonimato, típico de jogador medíocre, que só golpeia abaixo da linha da cintura. Agora, fico sabendo da VERGONHOSA “apropriação” pela OAB, da vitória conseguida no CNJ pelo TORON e Niemeyer no restabelecimento da carga rápida. Essa "carona" já é conhecida, sendo apenas “reprise” do uso/costume de incompetentes, como feito no projeto de lei criminalizando ofensas às prerrogativas, iniciativa de LAERTES DE MACEDO TORRENS, não do mandatário político e perseguidor de advogados que dela se apropriou trocando apenas o nome... MOSTRAM ASSIM, OS INIMIGOS DA ADVOCACIA, AOS VERDADEIROS ADVOGADOS, qual o nível da campanha... Sucesso, TORON, os verdadeiros advogados PRECISAM E QUEREM UM ADVOGADO PRESIDINDO A OAB/SP!

  • Página:
  • 1
  • 2
  • 3

Comentar

Comentários encerrados em 9/08/2012.
A seção de comentários de cada texto é encerrada 7 dias após a data da sua publicação.